WoD by Night

Narrativa de Vampiro a Máscara: 20 anos


    Ato IX - Narrativa de Pietra: Shudder Before The Beautiful

    Compartilhe
    avatar
    Danto
    Admin

    Mensagens : 2635
    Data de inscrição : 04/06/2012
    Idade : 25

    Ato IX - Narrativa de Pietra: Shudder Before The Beautiful

    Mensagem por Danto em 16/4/2017, 19:53

    17 de Março de 2002, Berlim.
    Nona Noite


    Lena havia ficado naquela sala, afinal um breve descanso após doar-lhe o sangue não faria mal algum a jovem, pelo contrário. E assim vocês se despediam de maneira breve, após ela ficar mais alguns instantes ali deitada em seu colo, até fechar os olhos e cochilar suavemente. Ela seria a sua nova vassala e aos poucos, quando você saia da sala e ia em direção a seu ateliê, sua mente fazia uma pequena contagem. A sua família estava crescendo, bastou apenas que a tua presença se mostrasse para a Espada de Berlim que os bons frutos começavam a ser oferecidos para serem recolhidos, Lena era mais um excelente fruto.

    Assim você fazia a sua entrada no seu lugar favorito dentro de toda Berlim, seu ateliê. Algumas de suas obras prontas recentemente ainda repousavam ali, assim como outras em andamento e alguns rascunhos e estudos. Como havia sido requisitado, lá estava o bloco virgem a te esperar. E sobre sua mesa de estudos e desenhos, havia um prato de vidro com uma maçã picada. A sua besta prontamente correu, cheirando o bloco e sorrindo, para logo notar a existência de uma foto posta sobre o bloco e começar a apontar com velocidade para a mesma.

    Pegando-a para ver sobre o que essa se tratava, a sua besta quase se derretia inteira em um delicioso ronronar.  Seus olhos viam a imagem de Thesa, sentada em um banco em frente a mesa da cozinha, seu tronco estava todo deitado sobre a mesa e a jovem estava dormindo, com uma faca em mãos e um pratinho de vidro delicadíssimo onde repousava uma maça fatiada.

    Você agora teria todo o tempo para homenagear seu querido Lameth, sem interrupções e com toda a calma possível para tal.
    avatar
    Jess

    Mensagens : 1463
    Data de inscrição : 12/01/2016
    Idade : 25
    Localização : Neverwere

    Re: Ato IX - Narrativa de Pietra: Shudder Before The Beautiful

    Mensagem por Jess em 16/4/2017, 22:01

    O tempo passado ao lado de Lena havia transcorrido sem maiores conversas, Pietra acariciava os longos e vermelhos cabelos da jovem, e não foi uma surpresa ver que a mesma ao fim de tudo cochilava por alguns minutos, isso enchia a cainita e a besta do mais puro carinho pela jovem.

    A certeza de que as noites mais ativas a frente da Espada lhe rendia bons frutos, era a nova companhia de Aylena assim como o incrível e rápido crescimento de sua família, isso rendia a Pietra um largo e orgulhoso sorriso nos lábios.

    “ Três crianças para chamar de minhas, três vassalos para chamar de meus... Meu jardim vai ser bem provido e cuidado. Mal posso esperar pela reação de Mia Regina. “

    Rindo consigo mesma a cainita rumou para seu ateliê, adentrar ali fez com que qualquer dúvida ou medo sumisse por completo. A besta logo indicou o bloco de cera que Pietra havia pedido, além do mais o cheiro adocicado da maçã era irresistível para a besta, está farejou ao redor do bloco chamando sua cainita.

    Pietra riu alto ao ver a foto de Thesa adormecida sobre o bloco, a besta a farejou estranhando o porquê de a mesma não estar ali, voltando sua atenção para a maçã picada a besta apenas sossegou quando Pietra comeu seus primeiros pedaços, sentando-se no chão com um ronronar macio a besta viu sua cianita preparar suas ferramentas e sentar-se num pequeno e confortável banco diante do bloco de cera.

    Os dedos experientes de Pietra tocaram a cera com cuidado, sentindo a textura do mesmo por alguns instantes a cainita começou seu trabalho cantarolando baixinho, a besta ronronava aos seus pés no mesmo ritmo da música.

    - Meu querido Lameth, espero que sua filha aceite esse presente. Eu devo muito a sua filha meu pai.

    Sussurrou Pietra para si mesma antes de começar a trabalhar no bloco bruto a sua frente.

    Teste: Oficio + Destreza = 9 d10
    Gasto 1 Ponto de Sangue para ativar Rapidez 3
    avatar
    Dados

    Mensagens : 201
    Data de inscrição : 03/05/2016

    Re: Ato IX - Narrativa de Pietra: Shudder Before The Beautiful

    Mensagem por Dados em 16/4/2017, 22:01

    O membro 'Jess' realizou a seguinte ação: Rolagem de Dados


    'D10' : 9, 8, 6, 7, 2, 6, 8, 6, 3
    avatar
    Danto
    Admin

    Mensagens : 2635
    Data de inscrição : 04/06/2012
    Idade : 25

    Re: Ato IX - Narrativa de Pietra: Shudder Before The Beautiful

    Mensagem por Danto em 17/4/2017, 00:35

    O tempo passou rápido, afinal seus dedos tocavam com enorme precisão e talento aquele bloco de cera que terminava por se transformar em um lindo busto, ali estava o que seus olhos viram em Lameth, a figura paterna e pacificadora do poderoso antigo. A sua besta ficava sentada no chão a te observar, até ficar entediada e começar a andar por todos os cantos, explorando cada pequeno detalhe do seu ateliê, por fim, ela se cansava e deitava no chão ao seu lado e ali ficava até você terminar.

    O som da maçaneta do seu ateliê se fazia presente, poucos dentro da espada tinham autorização para adentrar daquela maneira. Na realidade, era raríssimo os que sabiam que seu ateliê ficava ali, a sua besta prontamente farejava algo no ar e ficava totalmente eufórica! Correndo na direção da porta ela se jogava contra a figura masculina que por ela entrava. O homem então a segurava e estranhando aquela recepção ele dizia:

    -Pietra? Como você ficou assim tão mais jovem... espera ai... O que está acontecendo exatamente nesse lugar?!

    Sua besta estava agarrada no corpo de Edgard, o homem exibia um enorme sorriso na face e finalmente encontrava você sentada em frente ao busto.

    -Senhorita Rafaldini, eu a deixo sozinha por poucas noites e tudo isso acontece?! Essa é a representação da sua besta correto? Isso significa que...precisamente, você está próxima. Meus parabéns!
    avatar
    Jess

    Mensagens : 1463
    Data de inscrição : 12/01/2016
    Idade : 25
    Localização : Neverwere

    Re: Ato IX - Narrativa de Pietra: Shudder Before The Beautiful

    Mensagem por Jess em 17/4/2017, 00:47

    Enquanto trabalhava a cainita seguia com os olhos os movimentos de sua besta, era claro que o que Pietra estava fazendo não atraia tanto sua outra parte que entendiada explorava o ateliê em seus mínimos detalhes.

    Foi com um sorriso suave que Pietra permaneceu parada a frente do busto de Lameth, a figura do antigo ainda lhe era recente na memória e o estranho encontro ainda arrancava sorrisos de Pietra.

    Ouvindo a maçaneta de seu ateliê se movimentar Pietra se voltou para a porta, sua besta não escondia a euforia de saber exatamente quem estava chegando, a corrida da mesma e o abraço em um surpreso Edgard arrancaram uma gargalhada da cainita, ainda mais quando seu querido Edgard se mostrava confuso com o que estava acontecendo.

    “ Sua sapeca, você nem me esperou para abraça-lo. “

    Levantando-se do banco Pietra andou na direção de seu irmão fazendo uma pequena mensura.

    - Ela é adorável não é mesmo?! Além do mais sabes bem que eu tenho uma estranha capacidade de fazer esse tipo de coisa sem ao menos notar.

    Procurando a permissão de sua besta para abraçar Edgard a cainita enterrou seu rosto no peito de seu querido Tremere.

    - Peço desculpas por te fazer vir assim. Mas Eva precisa de suas palavras, meu crescimento e os últimos acontecimentos pesaram demais nos ombros de Bella.
    avatar
    Danto
    Admin

    Mensagens : 2635
    Data de inscrição : 04/06/2012
    Idade : 25

    Re: Ato IX - Narrativa de Pietra: Shudder Before The Beautiful

    Mensagem por Danto em 17/4/2017, 14:30

    A sua besta continuava ali pendurada nos braços de Edgard enquanto você se aproximava, negando-se a ceder a sua única opção foi literalmente removê-la de lá, ela então sentava-se no chão ao lado de vocês e puxava a calça de Edgard, como uma criança a pedir colo. O experiente ancião Tremere então retribuía a sua recepção, abraçando-a com carinho.

    -Não há razões para pedir desculpas Pietra, eu estarei sempre disposto a vir basta apenas chamar. E veja só como é curioso, ver a sua besta tão pura me é tão nostálgico... Me faz lembrar das noites em que eu a observava correr pela chuva, torcendo para não ser notado e acabar sendo mal interpretado.

    O seu grande amigo então a apertou um pouco mais naquele abraço, para apenas afirmar sem nenhuma única palavra que estava a sentir a sua falta. E assim que o abraço finalmente terminava, ele levava a mão direita até a cabeça de sua besta, para fazer um cafuné na mesma e sorrir na sua direção.

    -Me explique exatamente quais foram essas mudanças, preciso saber exatamente o que ocorreu para que eu possa oferecer a nossa Eva bons conselhos...
    avatar
    Jess

    Mensagens : 1463
    Data de inscrição : 12/01/2016
    Idade : 25
    Localização : Neverwere

    Re: Ato IX - Narrativa de Pietra: Shudder Before The Beautiful

    Mensagem por Jess em 17/4/2017, 15:06

    A cainita tentou segurar o riso ao empurrar sua besta para o lado, mas sentindo sua face se avermelhar Pitra não encontrou outra solução a não ser esconder seu rosto de encontro ao peito de Edgard, o abraço apertado de seu irmão indicava a saudades que ambos compartilhavam um pelo outro.

    - Mesmo assim mio amato, sempre tenho medo de estar lhe atrapalhando em alguma tarefa. Sei que és um homem ocupado. Sim a pureza dela é encantadora, me faz lembrar da chuva a todo o momento, também me lembra de como eu era arredia e incontrolável.

    Sentindo a força dos braços de Edgadr, Pietra puxou o grande feiticeiro pela mão, fazendo o mesmo com sua besta, afinal esta os seguiria sem pestanejar. Arranjando um local confortável para sentar seu irmão a cainita riu ao ver que sua besta exigia claramente o colo do mesmo.

    “ Espero que Edgard não se importe com o abuso dela, afinal ela também sente saudades dele.”

    Sentando-se perto de seu irmão Pietra sorriu ao responder a pergunta feita pelo mesmo.

    - Bom, depois de muitos anos acredito que ascendi mais um passo na minha trilha, isso foi causado na noite do Conclave, mais exatamente por Hans, a prole mais nova de Violleta. Foi ela que me tirou do Conclave me mantendo segura no refugio das rosas.

    A besta ronronou alto e animadamente quando o nome de Hans foi mencionado, ela não escondia ao feiticeiro como adorava seu Hans e como o queria naquele exato momento.

    - A minha volta foi de certa forma conturbada, Althea não se mostrou satisfeita com o meu sumiço e eu não admiti perder o controle de Espada, não quando ela ameaçou Lorenz e Albert. A grande questão é que Hans causou ciumes em Eva, tivemos uma discussão complicada e ela estava sentida pela jovem filha da lua ter sido o centro das atenções durante o Festim. O fato de toma-la por minha aprendiz também não ajudou. Além do mais ela se sente pressionada com o abraço de minhas duas rosas, Lotte foi feita durante o Festim e Lorenz logo deve despertar.
    avatar
    Danto
    Admin

    Mensagens : 2635
    Data de inscrição : 04/06/2012
    Idade : 25

    Re: Ato IX - Narrativa de Pietra: Shudder Before The Beautiful

    Mensagem por Danto em 18/4/2017, 11:04

    Edgard sentava-se no sofá que fora posto ali a pedido de Eva anos atrás, segundo a mesma era o local onde ela "poderia olhar a musa dela trabalhar". Assim que alto homem se sentava, a besta prontamente era acolhida no colo do mesmo. Ele não só interagia com ela como também a tocava e você sentia esse toque de maneira indireta, enfim, ele a colocava em seu próprio colo e passava a mão direita nos cabelos dela, ajeitando-os com cuidado enquanto ouvia as suas palavras.

    -Althea é uma extremista, essa fé foi importante para a espada nos primórdios mas agora ela se apresenta como algo desnecessário. Vejo que foram reais mudanças, Hans parece ser um nome poderoso para vocês duas, a sensação de impotência deve ter gerado picos de ciumes em Eva, certo? Afinal ela sempre esteve aqui e foi alguém de fora que impulsionou sua mudança, um homem, algo que ela nunca será. A filha da Lua, é a jovem Luannah a dançarina que se apresentou por último no festim? Se sim, eu imagino que Eva se assustou com a apresentação dela, porque foi feita para os seus olhos e ela a conquistou. E você agora tem duas proles, Lorenz eu sempre soube que seria inevitável... Mas esse outro nome me é totalmente desconhecido. São muitas mudanças de fato...


    O experiente feiticeiro então deixava a própria frase em aberto por alguns instantes.

    -Veja, o caminho que eu compartilho com Eva é traiçoeiro. Dentro dele é fácil confundir o amor com posse, o desejo com a necessidade. Eva é uma mulher magnífica, mas uma péssima estudante e infelizmente ela pagou um preço alto por isso, mas não se assuste ou se culpe, Pietra. Você não fez nada de errado nessa situação, mas talvez para ela fosse mais fácil entender deslizes sexuais do que essas construções íntimas que chegaram a sua vida nessas últimas noites. E por mais distante que possamos estar da humanidade, o desconhecido ainda nos assusta com intensidade.
    avatar
    Jess

    Mensagens : 1463
    Data de inscrição : 12/01/2016
    Idade : 25
    Localização : Neverwere

    Re: Ato IX - Narrativa de Pietra: Shudder Before The Beautiful

    Mensagem por Jess em 18/4/2017, 11:55

    Sentada ao lado de Edgard no sofá que Eva havia instalado em seu ateliê, Pietra riu baixo ao ver que sua besta era aceita no colo de seu irmão, os carinhos feitos pelo mesmo eram sentidos com suavidade pela cainita, já a besta parecia não se importar com isso encolhendo-se o suficiente para simplesmente deitar a onde estava.

    “ Ela poderia ficar a noite inteira assim sem ao menos se importar com mais nada. Sei que Edgard o permitiria, só espero que minha besta não o peça.”

    Ouvindo as palavras de seu querido irmão, Pietra sentou de frente para o mesmo cruzando as pernas, cuidando para entender cada por menor dito a cainita se manteve em silencio. No fim um sorriso calmo foi dado pela italiana quando a mesma se recostava no sofá.

    - Carrego um pouco de culpa em tudo isso. Sei que Althea seguia o que acreditava ser o certo, mas ela teria tomado esta lamina se eu não a tivesse impedido, nenhum mal desnecessário lhe foi causado, mas acho que isso não irá diminuir o ressentimento dela. Quanto a Hans, eu sabia que ele causaria isso em Eva, mesmo assim não seria aconselhável esconder isso dela, não depois de tantos anos juntas. Sempre deixei claro a Eva que meus sentimentos por ela são reais, mesmo assim ela se sentiu traída quanto ao amor que sinto por Hans, é o mesmo que sinto por você mio amato.

    Ainda sorrindo para Edgard, Pietra buscou uma forma de deitar sua cabeça no ombro do mesmo, a besta se aproveitou para esticar suas pernas sobre o colo de sua dona, arrancando uma pequena gargalhada da cainita.

    - Lotte é minha rosa negra, foi um pedido que fiz a Friederich, também nunca imaginei criar uma rosa negra, mesmo assim agora ela habita meu jardim, assim como Lorenz que é uma rosa branca. A jovem filha da lua é sim Luahna, ela fez aquilo porque me admirava, ela é um dos raros casos de humanidade dentro da Espada, não podia abandoná-la assim meu irmão. Mas aos olhos dela sou uma mãe, nada mais do que isso.

    Afundando a cabeça no ombro de Edgard a cainita começou a massagear os pés de sua besta, um ronronar suave e carinhoso foi solto pela besta em resposta.

    - Sei que você ajudará mia Bella, sei também que tudo na vida é traiçoeiro, mas não pude evitar de fazer o certo, não quando a Espada precisava de mim, agora já não posso simplesmente me esconder em meu ateliê e esquecer dos outros, tomei uma responsabilidade como Bispo e não pretendo voltar atrás. Por favor cuide de mia Bella, sei que logo ela estará a aterrorizar os mais novos novamente, mas sua ajuda seria essencial para ela.
    avatar
    Danto
    Admin

    Mensagens : 2635
    Data de inscrição : 04/06/2012
    Idade : 25

    Re: Ato IX - Narrativa de Pietra: Shudder Before The Beautiful

    Mensagem por Danto em 19/4/2017, 01:00

    Edgard nunca fora um homem de demonstrar muito sentimento, mas naquele instante quando ouvia aquele simples e ao mesmo tempo, poderosa declaração de amor, a face do mesmo esboçou um raro sorriso constrangido e o mesmo passou uma mão por trás das suas costas para envolve-la em um abraço lateral. A sua besta ronronava baixinho, fechando os olhos e quase dormindo ali entre vocês, totalmente segura e acomodada.

    -Seu jardim esta finalmente crescendo Pietra, isso é algo realmente importante que certamente assustou a nossa amada francesa. Eu irei sim cuidar dela, mas saiba que ela não será a única a receber meus cuidados, afinal essas suas crianças precisaram de um tio e por mais exótico que eu seja, ficaria honrado em poder ajudá-las em seus primeiros passos. Isso é claro, se você me permitir permanecer aqui... Além do mais, tenho que cuidar de minha pupila. Estaria assim unindo o útil ao agradável.

    Dizia o feiticeiro um um profundo respeito por ti, ele jamais iria simplesmente se dispor sem nenhuma autorização e não havia nenhuma malicia ali, você o conhecia mais do que o suficiente para julgar a verdade nos olhos dele. E a verdade era: Ele estava sentindo muitas saudades de estar por perto.
    avatar
    Jess

    Mensagens : 1463
    Data de inscrição : 12/01/2016
    Idade : 25
    Localização : Neverwere

    Re: Ato IX - Narrativa de Pietra: Shudder Before The Beautiful

    Mensagem por Jess em 19/4/2017, 10:23

    O abraço de Edgard trouxe um largo sorriso aos lábios de Pietra, deitando-se no ombro do Tremere a cainita viu o pequeno e constrangido sorriso do mesmo. De olhos fechados a cainita passou o braço pelas costas de Edgard abraçando-o da mesma forma, a outra mão pousava confortavelmente sobre as pernas de sua besta, que segura e acolhida cochilava entre os dois.

    “ Isso foi um pedido para ficar?! Eva vai simplesmente adorar isso, eu já estou adorando.

    Rindo de leve a cainita buscou os olhos de seu irmão, o sorriso largo e carinhoso demonstrava todo a felicidade pelo pedido feito de maneira tão suave.

    - Sei que meu jardim e seu crescimento deve ter assustado Eva, mas ela é tão mãe deles quanto eu. Isso ela não pode negar. Agora mio amato fratello, sabes que não precisa me pedir para ficar, eu sempre quero isso, sempre amei sua presença e seus cuidados. Meus filhos vão ama-lo da mesma forma que nós duas o amamos, além do mais sua pupila precisa de você, ela está crescendo e seria bom ter seu apoio.

    Abraçando com força seu irmão, Pietra beijou-lhe a face mais proxima, o ronronar de sua besta a deixava feliz e segura, ainda mais por saber que Edgard ficaria em Berlim.
    avatar
    Danto
    Admin

    Mensagens : 2635
    Data de inscrição : 04/06/2012
    Idade : 25

    Re: Ato IX - Narrativa de Pietra: Shudder Before The Beautiful

    Mensagem por Danto em 19/4/2017, 11:53

    Apesar da face gelada de Edgard, os olhos dele transbordavam um calor quase palpável, havia ali uma felicidade que você nunca tinha visto antes dentro daquele homem. Com a mão direita o seu querido irmão toca gentilmente em seu queixo, o toque dele era sempre muito gelado mas nem por isso a sua besta parecia se incomodar, seguia ali deitada a descansar. Com a ponta do dedão, ele fez um carinho em sua face, para em italiano, um idioma o qual não usava a séculos dizer:

    -Não há nada mais lindo nesse mundo do que esse teu sorriso, minha irmã. Muito obrigado por me deixar ficar, estou cansado de mais... São anos afinco de viagens e missões sem poder usufruir das pequenas coisas. Perdoe-me pelo tom melancólico, não há como evitá-lo. Talvez eu precise mais de Cassandra do que ela precise de mim.

    E ali, ele se deu a permissão de beijar-lhe a testa. Para enfim soltar os ombros e assumir uma postura relaxa, o cansaço sentimental dele era enorme e você conseguia ver em cada centímetro do corpo dele, cada micro expressão o quão solitário ele estava a se sentir.

    -Além do mais, já passou da hora de ensinar a minha irmã alguns dos meus segredos. Afinal, você é uma anciã agora, terá suas proles e muitos afazeres. Eu jamais me perdoaria se uma magica simples a prejudicasse!
    avatar
    Jess

    Mensagens : 1463
    Data de inscrição : 12/01/2016
    Idade : 25
    Localização : Neverwere

    Re: Ato IX - Narrativa de Pietra: Shudder Before The Beautiful

    Mensagem por Jess em 19/4/2017, 12:12

    O calor exalado dos olhos de Edgard era um contraste com o frio de seu toque, mesmo assim aquele frio não incomodava Pietra ou sua besta, a besta continuava a cochilar tranquilamente no colo dos dois cainitas.

    As palavras de seu irmão apenas aumentaram o sorriso de Pietra, a cainita adorava aquela proximidade e a relação gentil dos dois, ao receber o beijo na testa a cainita corou de leve apertando-o com carinho e força.

    “ Ele está cansado, posso ver isso nele. Será bom ele ficar conosco, fará bem para todos nós. “

    - Fique o tempo que necessitar meu irmão, o tempo para que se cansaço vá embora. Até lá deixe que eu e Eva cuidemos te você. Posso imaginar que o tempo de serviço não tenha sido bondoso, mas agora você precisa descansar e aproveitar um pouco, ninguém irá julga-lo por isso.


    O carinho em sua face e os claros sinais de cansaço de Edgard fizeram Pietra depositar sua cabeça em seu ombro, acariciando a face de seu irmão a cainita riu sobre ser instruída nas artes magicas.

    - Você está certo, proteção nunca é demais. Acredito que terei bons professores, afinal você e Cassandra são promissores no que fazem. Ela lhe fará bem meu irmão, e você fará bem a ela, um pode aprender com o outro.
    avatar
    Danto
    Admin

    Mensagens : 2635
    Data de inscrição : 04/06/2012
    Idade : 25

    Re: Ato IX - Narrativa de Pietra: Shudder Before The Beautiful

    Mensagem por Danto em 19/4/2017, 15:38

    Não haviam mais palavras para serem ditas por Edgard naquela situação, o seu irmão apenas ficou ali abraçado contigo e fazendo um cafuné gentil em sua besta. Aquela intimidade era tão especial para ambos que o silêncio era na realidade um delicioso tempero para aquela interação. Afinal é na ausência de palavras que existem os verdadeiros sentimentos, ali naquele sofá estavam dois irmãos e ninguém nesse mundo iria desmentir esse fato.

    Um som vindo do seu quarto que ficava literalmente ao lado do seu ateliê se fez então presente para quebrar o silêncio daquela afetiva reunião, a sua besta acordava de forma preguiçosa e se espalhava entre vocês dois. O que arrancava uma risada baixa de Edgard. O som era de alguém se movimentando pelo quarto e o seu irmão então disse:

    -Acho que é a hora. Já pensou em o que vai dizer para seu filho, irmã?!

    Perguntava o homem com um pequenino sorriso na face.
    avatar
    Jess

    Mensagens : 1463
    Data de inscrição : 12/01/2016
    Idade : 25
    Localização : Neverwere

    Re: Ato IX - Narrativa de Pietra: Shudder Before The Beautiful

    Mensagem por Jess em 19/4/2017, 16:18

    Foi no silencio que se instalou entre os dois que Pietra sentiu-se segura e amada, a presença de seu irmão era sempre algo positivo, saber que o feiticeiro ficaria alegrava a cainita e a maior demonstração disso era aquele abraço em que os dois se mantinham.

    Pietra riu ao ver sua besta se espreguiçar de manheira vagarosa, mas o som vindo do quarto a fez levantar a cabeça, uma onda de ansiedade tomava a cainita ao ver que alguém havia despertado.

    “ Ele acordou, meu filho. Ah Lorenz como eu quero abraça-lo.”

    As palavras de Edgard fizeram com que a cainita o encarasse, um movimento negativo foi feito por Pietra em resposta a pergunta.

    - Não, mas direi o que todas as mães falam aos filhos. Que eu o amo e lhe quero bem.

    Convidando a besta e Edgard para se levantar a cainita sorriu ao guia-los até seu quarto, batendo de leve na porta está a empurrou dizendo baixinho.

    - Lorenz?! Meu querido está tudo bem?
    avatar
    Danto
    Admin

    Mensagens : 2635
    Data de inscrição : 04/06/2012
    Idade : 25

    Re: Ato IX - Narrativa de Pietra: Shudder Before The Beautiful

    Mensagem por Danto em 19/4/2017, 20:24

    Você abre a porta do quarto para ver a imagem de Lorenz andando de um lado para o outro, parecendo um pouco confuso consigo mesmo. Naquele instante a sua besta fez uma ameaça de correr na direção do mesmo, só que as mãos de Edgard a seguraram antes que ela pudesse correr, ele então sussurrava algo no ouvido da mesma que a conteve. Deixando então que apenas você entrasse primeiro.

    Lorenz olha na sua direção e sorria em meio a própria confusão.

    -Eu ativei auspícios e não consigo desligar, estou a ver todos os micro detalhes de tudo e não sei quem foi a pessoa bagunceira que arrumou esse quarto, mas estou prestes a entrar em parafusos! Você notou que o arqueamento dos contornos da banheira são desiguais? Isso é um ultraje! Nossa... Mãe, seus olhos sempre foram assim? Nossa eu preciso saber como faço para controlar essa coisas!

    Edgard era obrigado a esconder a própria face para não rir daquela demonstração tão pura e sincera de confusão com os próprios poderes. Lorenz parecia confuso, levemente irritado e ao mesmo tempo, divertindo-se com a própria falta de domínio.
    avatar
    Jess

    Mensagens : 1463
    Data de inscrição : 12/01/2016
    Idade : 25
    Localização : Neverwere

    Re: Ato IX - Narrativa de Pietra: Shudder Before The Beautiful

    Mensagem por Jess em 19/4/2017, 23:08

    Ver Lorenz andar pelo quarto encheu Pietra de carinho e amor, a forma confusa que Lorenz a olhou fez com que a cainita risse, o riso também foi dado pelo simples fato de Edgard impedir a besta de correr e pular nos braços de sua prole.

    “ Meu filho, minha rosa pura.”

    Ouvindo as palavras confusas de sua prole, Pietra não pode deixar de se aproximar, puxando a face de Lorenz para beija-lo no rosto diversas vezes para só então abraça-lo com força enquanto gargalhava feliz.

    - Meu querido filho, não sabes como você me deixa tão feliz! As primeiras noites serão delicadas meu querido, mas logo isso já não sera um problema. Apenas feche os olhos e respire fundo, isso vai ajudá-lo a se controlar.

    Puxando a face de Lorenz a cainita olhou nos olhos de seu filho perguntando de forma suave e preocupada.

    - O que tem de errado com meus olhos?
    avatar
    Danto
    Admin

    Mensagens : 2635
    Data de inscrição : 04/06/2012
    Idade : 25

    Re: Ato IX - Narrativa de Pietra: Shudder Before The Beautiful

    Mensagem por Danto em 20/4/2017, 11:49

    Lorenz ficava um pouco constrangido pela sua ação, mas também não demonstrava nenhum interesse em esconder a felicidade que sentia com a sua presença. Entretanto, quando você o tomava com carinho com as mãos e buscava olhar nos olhos dele, o seu filho mais novo arregalava os próprios olhos e assumia uma expressão de profunda admiração.

    -É impossível haver algo de errado neles, Mãe, eles são...perfeitos...

    Lorenz parecia ver além dos seus olhos, ele notava cada pequeno detalhe da sua face, do seu sorriso e da sua felicidade. Encantado com tudo, a sua rosa branca mergulhava com todas as forças dentro do primeiro fascínio, a maldição do clã Toreador, mas que dessa vez soava como um dos maiores elogios possíveis. A sua imagem seria para sempre aos olhos de Lorenz, o primeiro e mais poderoso fascínio.
    avatar
    Jess

    Mensagens : 1463
    Data de inscrição : 12/01/2016
    Idade : 25
    Localização : Neverwere

    Re: Ato IX - Narrativa de Pietra: Shudder Before The Beautiful

    Mensagem por Jess em 20/4/2017, 12:34

    O simples fato de Lorenz não evitar seu toque ou seus beijos encheram a cainita de amor, beijando-o com mais carinho, quando seus olhos se encontraram e a admiração se fez diante de Pietra, o sorriso largo se transformou em um riso cristalino e feliz.

    - Oh meu querido!

    Abraçando com força o corpo de Lorenz a cainita sentiu as lagrimas de felicidade inundarem seus olhos, era impossível segura-las e Pietra não fazia esforço.

    “ Eu causei o primeiro fascínio de meu filho! Deus como isso é tão bom.”

    Enxugando as lagrimas com a manga de sua camisa a cainita se virou para Edgard sorrindo em total felicidade.

    - Ele não é uma graça Edgard?! Porque eu demorei tanto para abraça-lo?
    avatar
    Danto
    Admin

    Mensagens : 2635
    Data de inscrição : 04/06/2012
    Idade : 25

    Re: Ato IX - Narrativa de Pietra: Shudder Before The Beautiful

    Mensagem por Danto em 20/4/2017, 19:20

    Lorenz continuava no seu abraço, as mãos dele seguravam nas suas costas enquanto ele era totalmente incapaz de tirar a atenção dos seus olhos e da sua face, totalmente fascinado por você. Ao ponto de ficar com os olhos marejados de lágrimas de sangue por simplesmente vê-la chorar de felicidade.

    A sua besta estava também abraçada, mas ela segurava Edgard nos braços enquanto fazia uma cara de quem estava implorando por permissão para também agarrar Lorenz. Edgard olhava para você e comentava de maneira sutil:

    -Você não demorou muito Pietra, esse era o momento certo. Nós sofremos por termos sido abraçados sem preparo, isso nunca acontecerá com Lorenz... Eu vejo nos olhos de vocês dois o quão sincero é amor entre vocês. Mas se toda vez que ele ver os seus olhos, ele entrar em fascínio, você terá um probleminha...

    Ele terminava a frase com um tom divertido e finalmente adentrava o quarto, fechando a porta e soltando a sua besta. Essa corria para todos os lados, perdida dentro da própria animação. Circundando vocês e esticando a mão para tocar a face de Lorenz, rindo sozinha para finalmente olha na direção do quarto da Eva, farejando algo vindo do mesmo. E uma fração de segundos depois, a luz dava uma leve enfraquecida e o som do chuveiro se fazia presente, a sua musa estava no banho e sairia em poucos instantes.

    -Mãe?! Er... Edgard?! Uau isso é o fascínio? UAU! Que sensação, maravilhosa, única... Senhor Edgard, olá! Boa noite. Devo chamá-lo por tio?! Desculpe a falta de...er... é minha primeira noite!

    Dizia Lorenz que começava a sair do fascínio lentamente, ainda com uma voz falha e cheia de vibrações e imperfeições. Edgard responde então de maneira simpática:

    -Escolha a forma que lhe for mais confortável pequeno. O Importante é saber que eu estou aqui por tua Senhora e por ti, sempre que necessário for.
    avatar
    Jess

    Mensagens : 1463
    Data de inscrição : 12/01/2016
    Idade : 25
    Localização : Neverwere

    Re: Ato IX - Narrativa de Pietra: Shudder Before The Beautiful

    Mensagem por Jess em 20/4/2017, 22:25

    O claro fascínio de sua prole enchia Pietra com uma felicidade avassaladora, até mesmo o marejar de Lorenz lhe parecia belo e carinhoso, um reflexo de como via o homem a sua frente.

    Ainda abraçada a cainita viu sua besta pedir para ser solta, o braço forte de Edgard a mantinha presa, mas foram as palavras de seu irmão que tocaram profundamente Pietra, um ar avermelhado se apossou da face da mesma quando a brincadeira foi feita, o ar divertido do feiticeiro era sempre difícil de ser conquistado e Lorenz parecia não te-lo feito propositalmente.

    - Sei que você está certo, mas essa felicidade é tão inebriante. Obrigada por estar comigo Edgard, você sabe o quanto eu amo vocês dois. Não se preocupe com o fascínio de Lorenz, ele está usando Auspícios e ainda não sabe como controlar.

    Rindo da animação de sua besta recém solta, a cainita guiou Lorenz para a cama fazendo-o sentar na mesma, passando a mão com carinho pelos cabelos de seu filho a cainita sorriu ao descobrir que Eva estava se banhando.

    “ Eva vai ficar tão feliz, ainda mais quando ela descobrir que Edgard pediu para ficar.”

    Beijando a testa de Lorenz a cainita sentou-se ao seu lado abraçando com força um dos braços do mesmo.

    - Edgard irá ficar conosco mio amato, quanto ao quarto sua besta o bagunçou durante o dia, imagino que a fome a tenha deixado violenta, agora que isso passou Thesa vai poder arrumar do modo dela. Ela o acompanhará nesse começo, acho que será bom pra vocês dois mio figlio.
    avatar
    Danto
    Admin

    Mensagens : 2635
    Data de inscrição : 04/06/2012
    Idade : 25

    Re: Ato IX - Narrativa de Pietra: Shudder Before The Beautiful

    Mensagem por Danto em 21/4/2017, 15:49

    Edgard claramente notava as suas novas reações, as breves respirações, alguns pulsos cardíacos e agora a sua face corar sem a necessidade do uso do vitae. E ao contrário de vários que se surpreendiam, ele parecia interessadíssimo. Tanto que ele nem respondeu a sua primeira frase de forma imediata. Lorenz por outro lado estava vivendo uma experiência única, seu filho se sentava ao seu lado na cama e sorria alegre quando você apertava o braço dele.

    -Entendi... bom, bem vindo Tio! Fique o tempo que desejar, eu até arrumaria um quarto para você, mas agora é com a Thesa! E obrigado mãe, desculpe pela bagunça que a minha besta causou, obrigado por designar a Thesa para me ajudar, não sei porque mas mencionar ele me deixa mais calmo.

    Edgard então dá alguns passos a frente e comenta de maneira simples:

    -Auspícios é ligado a sua sensibilidade sentimental, associe os seus poderes a sensações. E as contrarie para cancelar, isso vai te ajudar no começo. Mas não se esqueça da dica da Pietra, fechar os olhos e se concentrar é a chave para chegar onde eu digo.

    Lorenz olhou para Edgard e em seguida para você. O jovem neófito então fechava os olhos e se concentrava, demorando alguns instantes e então abrindo de novo os olhos e sorrindo.

    -Ah! Sim! Deu certo! É exatamente assim que eu me lembro desse quarto!

    Lorenz então olhou na sua direção, sorridente e feliz. Mas mais uma vez, ser tomado pelo fascínio. O que arrancava risadas genuínas de Edgard. O fascínio agora era causado pela simples imagem da sua face, nada demais.

    -O drama de ser prole de uma musa...
    avatar
    Jess

    Mensagens : 1463
    Data de inscrição : 12/01/2016
    Idade : 25
    Localização : Neverwere

    Re: Ato IX - Narrativa de Pietra: Shudder Before The Beautiful

    Mensagem por Jess em 21/4/2017, 20:34

    Ser analisada por Edgard trouxe um ar curioso para a face de Pietra, a cainita começava a se acostumar com a surpresa que suas mudanças tão latentes criava em outros cainitas, mas a curiosidade de seu irmão era compartilhada, mas a volta suave de Lorenz retirou isso do foco da cainita, sorrindo para o mesmo Pietra sentia a mais pura felicidade compartilhada com Lorenz.

    “ Edgard tem razão, meu filho está tendo o que eu nunca tive. Fiz certo em escolhe-lo e esperar até esse momento para abraça-lo.”

    Ouvindo as palavras de Edgard sobre como controlar o auspícios ligado, observando seu filho seguir as instruções de seu tio, Pietra sentiu o orgulho tomar-lhe o peito quando Lorenz conseguia controlar seus poderes.

    Uma gargalhada escapou da cainita ao ver que seu filho não resistia ao fascínio, beijando-o na testa Pietra simplesmente ria de felicidade, dando pequenos tapinhas na face de Lorenz para ajudá-lo a retornar.

    - Ah meu amado, acho que teremos sérios problemas todas as vezes que conversarmos.

    A besta que por fim se controlava um pouco sentava aos pés de Lorenz abraçando as pernas do mesmo, colocando a cabeça no colo do rapaz está riu feliz ao observa-lo de perto.

    - Edgard, isso é maldade eu simplesmente não sei o que fazer. Alias, quero vocês dois aqui pelos próximos dias. Lorenz para protege-lo de qualquer incidente, e você meu irmão pelo tempo que desejar.
    avatar
    Danto
    Admin

    Mensagens : 2635
    Data de inscrição : 04/06/2012
    Idade : 25

    Re: Ato IX - Narrativa de Pietra: Shudder Before The Beautiful

    Mensagem por Danto em 22/4/2017, 01:09

    Edgard caminhava até o local onde estava posta a banheira, afinal, a arrumação do quarto ainda era a da noite anterior. Sentando-se no mármore o seu "irmão" mais velho observou a cena entre você e Lorenz para enfim responder à sua fala.

    -Eu não quero dar espaço para a melancolia, mas acho que todos nós chegamos em um certo ponto em que não há mais objetivos a serem conquistados. Passei anos em torpor após a experiência que tive com as forças malignas, o poder era tanto que eu simplesmente perdi a minha consciência e reencontrá-la foi um enorme desafio. Agora que estou finalmente completo, me sinto vazio... Se o seu chamado não tivesse chegado a tempo, eu não sei o que teria acontecido comigo... Eu ficarei aqui, não estou disposto nem preparado para o convívio com outros.

    Lorenz seguia preso ao fascínio, mas os olhos dele agora começavam a piscar lentamente em um espasmo de alguém que estava lutando para retomar o controle do próprio corpo.
    avatar
    Jess

    Mensagens : 1463
    Data de inscrição : 12/01/2016
    Idade : 25
    Localização : Neverwere

    Re: Ato IX - Narrativa de Pietra: Shudder Before The Beautiful

    Mensagem por Jess em 22/4/2017, 01:31

    Pietra permaneceu em silencio durante toda a fala de seu irmão, as palavras pesadas do mesmo faziam a cainita refletir sobre o que era dito. Com cuidado está beijou a testa de Lorenz e passou a mão sobre os cabelos de sua besta, a besta ronronou em resposta ao carinho abraçando mais forte as pernas de sua prole.

    Andando até o lado de Edgard, Pietra se sentou ao seu lado, puxando uma de suas mãos a cainita começou a brincar com as linhas do mesmo.

    - Sim a idade nos deixa cansados e sem querer mais nada. Cabe a nós encontrar um motivo para continuar a caminhar quando mais nada nos sacia. Acho que me escondi por muito tempo com medo disso, de não ter o porque continuar. Mas agora vendo minha criança tenho medo de não querer parar, de não poder concluir nada com excelência. Estranho não?!

    Beijando a mão do irmão a cainita sorriu ao ver sua besta subir na cama e tentar balançar Lorenz para que o mesmo saísse do fascínio, a besta o queria e queria que o mesmo prestasse a devida atenção que merecia. Rindo da cena Pietra depositou sua cabeça no ombro de Edgard.

    - Você escolheu um caminho perigoso meu irmão, fico feliz que no final estejas bem. Aqui eu lhe darei descanso e um pouco de alegria, quem sabe isso não o ajude a descobrir algo novo. Alem do mais vais ser meu professor nas artes magicas e não podes me negar isso. Estarei do seu lado mio amato, bem aqui.

    " Se ele não encontrar algo que lhe faça querer continuar, temo que Edgard vá dormir. Somos velhos e não podemos fugir do peso do sono."

      Data/hora atual: 20/8/2017, 19:55