WoD by Night


Narrativas De World of Darkness Estruturadas Nas Versões de 20 Anos
 
InícioFAQBuscarMembrosGruposRegistrar-seConectar-se

Compartilhe | 
 

 Ato XXI - A Nomeação, Parte I

Ir em baixo 
Ir à página : Anterior  1, 2, 3, 4  Seguinte
AutorMensagem
Danto
Admin
avatar

Mensagens : 4156
Data de inscrição : 04/06/2012
Idade : 27

MensagemAssunto: Re: Ato XXI - A Nomeação, Parte I   29/11/2017, 15:53

Enquanto você aproveitava aqueles pequenos mas maravilhosos instantes em que poderia observar seus filhos dormindo, sua pequena se demonstrava feliz por estar caminhando de mãos dadas à Thesa e Lena enquanto as jovens ouviam as instruções de Francesco e Enzo, certamente acerca dos preparativos para a grande reunião que ocorreria em algumas horas.

-Mãe?

Dizia Renz com uma voz bem fraca, o mesmo ainda de olhos fechados exibia um sorriso na face.

-Boa noite, porque não deita aqui conosco um pouquinho?!

Ele fazia o convite enquanto começava a despertar, a sua juventude e humanidade o faziam precisar de pouco tempo para retomar a consciência, ao contrário de Freddy que levava sempre um pouco mais por várias questões.

-Ain, para de falar Renz ou eu vou te morder! Tá super cedo!

Resmungava Lotte, escondendo a face contra o peito de seu irmão enquanto o mesmo finalmente olhava na sua direção e aguardava por suas reações com uma expressão de pura alegria em simplesmente por vê-la ali.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://berlimbynight.forumeiros.com
Jess

avatar

Mensagens : 2560
Data de inscrição : 12/01/2016
Idade : 26
Localização : Neverwere

MensagemAssunto: Re: Ato XXI - A Nomeação, Parte I   29/11/2017, 16:19

A simples visão de meus dois filhos ali deitados faziam meu coração bater de amor, essa felicidade também vinha de minha pequena que se divertia com Thesa e Lena, a pequena as amava e estava ansiosa, queria ver sua rainha assim como apresentar a todos que adorava, um sentimento que compartilhávamos.

A voz de Lorenz me fez suspirar, ainda de olhos fechados meu filho começava a despertar, algo que ele fazia com naturalidade, seu convite baixinho me fez rir, ainda mais quando Lotte reagia daquela forma ainda sonolenta.

Segurando o riso eu beijava a testa de meu filho pedindo silencio, afinal minha pequena rosa negra adoraria dormir mais alguns minutos, minutos esses em que ficaríamos abraçados.

“Mais lindos do que eu pude imaginar... Eva estava certa, eu deveria ter abraçado antes.”

Com delicadeza eu me deitava nas costas de Lotte, abraçando-a com carinho enquanto minha mão ia até a face de Lorenz para brincar com seus cabelos.

– Só mais um pouquinho Renz!

Sussurrava de leve para não acordar Lotte.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Danto
Admin
avatar

Mensagens : 4156
Data de inscrição : 04/06/2012
Idade : 27

MensagemAssunto: Re: Ato XXI - A Nomeação, Parte I   29/11/2017, 19:02

-Ta bem, mas não muito pra não deixar ela mal acostumada!

Comentava Lorenz com uma voz baixinha, o rapaz olhava na sua direção e sorria, antes de usar uma das mãos para puxar a sua que acariciava os cabelos dele e beijá-la com ternura, para então devolvê-la aos cabelos dele.

Ali então vocês três permaneciam por não mais do que dez minutos, um silencioso amoroso e intimo. Que só terminava quando Lotte bocejava e sentia o seu toque quente, imediatamente sua filha se virava para lhe apertar com toda a força que tinha, que não era pouca!

-Mãe! Eu bem que sonhei que você estava aqui comigo, oi!

Dizia a jovem que cruzava as pernas em torno da sua cintura e ia se aninhando no seu corpo sem sequer saber se você iria permitir ou não! Para então lhe morder a bochecha e sorrir super feliz, Lorenz se aproximava por trás da irmã para beijar a face da mesma e comentar:

-Não adianta Lotte, a Mãe não vai tentar amolecer o Pai! Mas boa tentativa viu!

Lotte soltava um som abafado de protesto, quase um gemido que era extremamente similar ao da sua besta quando a mesma protestava por não haver pêssegos na mesa durante o café da manhã.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://berlimbynight.forumeiros.com
Jess

avatar

Mensagens : 2560
Data de inscrição : 12/01/2016
Idade : 26
Localização : Neverwere

MensagemAssunto: Re: Ato XXI - A Nomeação, Parte I   29/11/2017, 20:16

As palavras sussurradas de meu filho e seu beijo em minha mão me faziam suspirar, ali o tempo passava devagar e com suavidade, minutos que transcorriam no mais puro amor e carinho que eu podia sentir pelos dois.

 “Meus tesouros, fico tão feliz em ver que vocês se respeitam.”

O bocejar de Lotte marcava seu despertar, porem os movimentos rápidos de minha filha me pegavam de surpresa, sendo presa por seu abraço e suas perna eu ria ao ter minha face mordida de maneira tão carinhosa.

– E foi um sonho bom minha rosa?

Perguntava ao beijar sua face com carinho, os movimentos de Lorenz e suas palavras me faziam olha-lo com curiosidade, mas o som de Lotte me dizia claramente que minha filha queria algo, e pelo tom realmente faria qualquer coisa para ter.

– O que minha Lotte quer tanto assim? Se eu souber posso ter ideia que quanto você precisa me paparicar!
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Danto
Admin
avatar

Mensagens : 4156
Data de inscrição : 04/06/2012
Idade : 27

MensagemAssunto: Re: Ato XXI - A Nomeação, Parte I   29/11/2017, 23:34

Lorenz se sentava na cama para se espreguiçar enquanto Lotte olhava diretamente para os seus olhos com os olhos negros dela, a jovem concordava positivamente sobre o sonho e lhe respondia:

-Você estava nele mãe, como ele não poderia ser um bom sonho?

A fala dela arrancava um sorriso de Lorenz que já entendia perfeitamente o plano da irmã, assim o rapaz saia brevemente da cama apenas para conseguir se espreguiçar melhor e começar a circundar a cama vagarosamente.

-Sabe, eu estava pensando aqui... Hoje teríamos que passar o dia estudando mas se você veio nos acordar significa que haverá compromisso certo? Seria possível conseguir adiar um pouquinho a data da prova do Pai? Eim?!

Lotte fazia pequenas pausas durante a fala, para beijar a sua face e fazer carinhos nos seus cabelos. Assim que terminava de falar a jovem sorria e aproximava a face da sua, esfregando no nariz na sua bochecha e em seguida ficando paradinha, claramente pedindo para ser mordida.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://berlimbynight.forumeiros.com
Jess

avatar

Mensagens : 2560
Data de inscrição : 12/01/2016
Idade : 26
Localização : Neverwere

MensagemAssunto: Re: Ato XXI - A Nomeação, Parte I   29/11/2017, 23:55

A resposta de Lotte me fez rir, apenas para aperta-la com carinho em meus braços, beijando sua testa com mais carinho ainda eu observava Lorenz se levantar para esticar seu corpo.

 - Não sei, vai que eu estava nele lhe fazendo cocegas? Ninguém gosta muito de cocegas.

Recebendo cada pequena caricia de Lotte eu sorria ao me recostar sem medo na cama, cada pequeno beijo ou mimo fazia meu sorriso aumentar, e quando finalmente o desejo era revelado eu ria baixinho, só para morder aquelas bochechas carnudas e lindas.

– Voce é uma menina muito esperta, sabia disso?!

Mordendo as faces de Lotte eu me divertia em morder suas orelhas e até a pontinha do nariz apenas porque era divertido.

“Bom a prova vai ser naturalmente adiada, mas não vejo problemas em dar a eles mais uns dias e mimos para Alfonsus.”

Sentando-me na cama apenas para puxar Lotte para meu colo eu sorria ao responder de maneira suave.

– Tudo bem, vou ver o que posso fazer. Mas não espere muito mais do que três dias, essas provas são para o bem de vocês ok? Agora vamos a assuntos mais sérios.

Eu comentava ao apertar as bochechas de Lotte com carinho, dando leves tapas na cama como um convite para Lorenz sentar-se ao nosso lado, só assim eu continuaria a falar.

 - Teremos uma visita especial esta noite, Melinda está para chegar e eu quero vocês mais do que perfeitos meus amores!
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Danto
Admin
avatar

Mensagens : 4156
Data de inscrição : 04/06/2012
Idade : 27

MensagemAssunto: Re: Ato XXI - A Nomeação, Parte I   30/11/2017, 20:55

A cada mordida dada por ti, a sua linda rosa negra reagia com o pequeno som que você tanto adorava ouvir, a mesma ainda fazia caretas divertidas e fechava os olhos sem demonstrar nenhuma resistência! E assim que você terminava ela sorria e te abraçava outra vez, para beijar suas bochechas com enorme carinho e tomar a liberdade de deitar com a cabeça no seu colo e puxar as suas mãos para os lindos e sedosos cabelos negros dela. Para enfim, olhar com uma expressão dengosa que lhe enchia de alegria:

-Brigadinha mamãe, porque você não explica as coisas mais sérias enquanto cuida dos meus cabelos?!

A jovem então dava tempo para que Lorenz circundasse a cama e sentasse ali ao seu lado, o rapaz respirava fundo e comemorava silenciosamente a notícia da chegada de Melinda, afinal, era ele que realizava os envios das cartas para a Grande Regente e Rainha e era ele que as recebia durante o dia, apesar de nunca ter conhecido, Lorenz sempre se mostrava muito contente em sonhar em um dia finalmente poder ser apresentado a ela.

Já Lotte, tinha uma reação que você provavelmente jamais esqueceria:

-QUE?! MEU DEUS DO CÉU EU NÃO FIZ AS UNHAS!

Gritava a jovem pulando na cama, para ficar de pé enquanto Lorenz simplesmente caia numa gargalhada genuína e descontrolada. Lotte levava as mãos na cabeça, desesperada, para em uma fração de segundos mudar do total desespero para um frenesi alegre e contagiante, soltando gritos empolgados, ela pulava sobre o colchão enquanto comemorava e gritava!

-Ai, eu vou morrer de ansiedade! ELA CHEGA HOJE! A maior de todas as rosas negras vai me conhecer!

Lotte parava de pular na cama para fechar a face em uma expressão determina e afirmar com convicção:

-Irei olhar no fundo dos olhos da Eterna Rainha Negra e dizer: Eu serei sua sucessora!

Lorenz batia palmas, claramente para provocar a irmã que imediatamente pulava contra o irmão para morder o rapaz e lhe dar vários tapas. Lorenz por outro lado, se encolhia e ria até perder o ar!
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://berlimbynight.forumeiros.com
Jess

avatar

Mensagens : 2560
Data de inscrição : 12/01/2016
Idade : 26
Localização : Neverwere

MensagemAssunto: Re: Ato XXI - A Nomeação, Parte I   30/11/2017, 23:44

A onda de carinho que se passava entre minha filha e eu faziam com que meu coração risse da mais pura felicidade, Lotte soltava aqueles famosos e fofos barulhinhos que eu amava escutar, minha filha podia ser uma rosa forte, mas ali era apenas minha menina carinhosa.

O beijo em minha face e minhas mãos devidamente colocadas em seus cabelos me fez supirar de leve, não havia nada que eu amasse mais do que cuidar dos cabelos de Lotte e seus barulhinhos fofos, e ali não poderia ser diferente.

A reação de Lotte diante do aviso me fez rir, de tudo que eu poderia imaginar, não eram as unhas que me preocupariam.

"Eu sabia que ela ficaria ansiosa, mas unhas?!”

Abraçando de leve Lorenz eu beijava sua testa feliz por saber que meu filho finalmente conheceria minha rainha, a mudança brusca de Lotte e suas palavras me faziam rir, até mesmo a pequena provocação de Lorenz me diziam que meus filhos estavam felizes.

– Calma mocinha, precisamos do Renz inteiro!

Eu comentava ao puxar Lotte para meu colo e aperta-la em meus braços.

– Ouça bem, és meu legado com a Espada, meu legado com Melinda então diga isso acreditando em suas forças.

Puxando de leve a cabeça de Lorenz eu encostava minha testa com a de meu filho para sorrir com carinho.

– Você é meu filho Renz, meu legado com o clã, aprendiz direto da Elsa que pertence a linhagem de Melinda, és meu orgulho então não tema quando se apresentares, ela vai respeita-lo sei que vai meu querido.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Danto
Admin
avatar

Mensagens : 4156
Data de inscrição : 04/06/2012
Idade : 27

MensagemAssunto: Re: Ato XXI - A Nomeação, Parte I   1/12/2017, 11:59

-Nha! Eu só vou arrancar um pedacinho desse besta!

Dizia Lotte, exibindo os dentes e preparando uma mordida mais forte que era impedida pela sua ação de puxá-la para seus braços. A jovem rosa negra mordia o ar apenas para tentar intimidar o irmão que ainda ria de maneira divertida e começava agora a finalmente a se arrumar, passando a mão pela face para remover os respingos de sangue que ali haviam, afinal, o mesmo havia tido a face praticamente toda mastigada pela irmã.

-Se eu não ficar inteiro, quem irá fazer a sua maquiagem para a recepção de Melinda!?

Dizia Lorenz que respirava mais tranquilo agora que a irmã já não mais o mordia, suas falas então se faziam presentes e mudavam completamente as expressões faciais de seus filhos. Lotte se acalmava e concordava positivamente com um aceno de cabeça e um sorriso confiante. Já Lorenz olhava no fundo dos seus olhos, com uma emoção única e especial. O choro dele parecia eminente, mas o mesmo se segurava para dizer:

-Tudo que eu sempre quis, dês do primeiro segundo que aceitei o abraço foi fazê-la sentir orgulho de mim mãe... Eu...

As lágrimas começavam a escapar do jovem emocionado, Lotte suavemente tocava a mão direita sobre o coração do irmão e dizia com carinho:

-Bobo, não é só a mãe que se orgulha de ti. Eu não poderia ter um irmão mais perfeito e eu vejo muito bem como nossos Pais se derretem por você, sem falar nas musas da Mãe que reconhecem a sua grandeza e nosso tio, lembra do que ele disse?!

Lorenz comentava em seguida:

-Bash disse que eu carrego a herança mais pura de nossa linhagem dentro de mim... Obrigado querida.

O rapaz beijava a face da irmã com muito amor e em seguida tomava a liberdade de abraçar vocês duas, em um aperto bem forte apenas para conseguir reunir forças e conter aquele breve chorar emocionado.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://berlimbynight.forumeiros.com
Jess

avatar

Mensagens : 2560
Data de inscrição : 12/01/2016
Idade : 26
Localização : Neverwere

MensagemAssunto: Re: Ato XXI - A Nomeação, Parte I   1/12/2017, 12:46

Rindo com as mordidas de Lotte em Lorenz, eu a apertava com carinho impedindo que ela realmente arrancasse partes do irmão, algo que não seria difícil já que Lorenz provavelmente não reagiria e Lotte era muito mais forte fisicamente.

– Nada de arrancar pedaços do Renz! Precisamos dele inteirinho e perfeito do jeitinho dele!

Comentava ao morder de leve a nuca de Lotte, o que me fazia mastigar um pouco de seus lindo cabelos negros, a brincadeira de Renz me fazia rir é claro, afinal era ele que cuidava de todas nós em eventos importantes.

“Eu não conseguiria viver sem meu filho, e muito menos sem essa alegria que minha filha tras consigo. Eu deveria ter sido mãe a mais tempo.”

As palavras de Renz e suas quase lagrimas me enchiam de amor, beijando com carinho suas faces eu sorria apenas para ser tomada por seu largo e forte abraço, algo que me trazia suspiros aos lábios.

– Ouça bem meu querido, és uma das rosas brancas mais puras que eu já vi, mantenha-se assim e estarás deixando orgulhosa toda nossa linhagem e lembre-se meu filho, eu sempre me orgulharei de você, de vocês dois!

Respondendo o abraço de Lorenz eu o beijava na face, assim com beijava Lotte, permitindo-me ficar ali por mais algum tempo antes de comentar de maneira suave.

– Preciso ir acordar os restantes, se arrumem e fiquem maravilhosos, receberemos Melinda na sala de música.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Danto
Admin
avatar

Mensagens : 4156
Data de inscrição : 04/06/2012
Idade : 27

MensagemAssunto: Re: Ato XXI - A Nomeação, Parte I   1/12/2017, 17:44

O abraço sincero e amoroso compartilhado por vocês três, mãe e filhos, funcionava como um verdadeiro condensador de um amor incomparável. O final deste trazia sorrisos lindos de seus filhos, a noite enfim parecia começar agora e seu coração estava inspiradíssimo!

-Até logo mãe, nos encontramos na sala de música!

Afirmava Lorenz que saia da cama e puxava a irmã que claramente fazia corpo mole.

-E pode deixar que eu irei cuidar dessa preguiçosa aqui!

Lotte largava o corpo sobre a cama, propositalmente para ser pega pelo irmão no colo. A jovem então lançava um beijinho na sua direção e você enfim saía do quarto. Caminhando agora para o andar superior, você era surpreendida pela sua besta no final da escadaria. A mesma exibia um caderno de anotações nas mãos e lhe entregava o mesmo, já aberto e com uma página escrita.

Texto escrito no caderno:
 

No final do texto, havia um sorriso feliz desenhado de maneira bem caricata da face de Eddie. A pequena então estendia as mãos e aguardava receber o caderno de volta. Para assim que o fizesse, esticar a face e esperar um beijo, para só depois sair correndo pelos corredores do castelo.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://berlimbynight.forumeiros.com
Jess

avatar

Mensagens : 2560
Data de inscrição : 12/01/2016
Idade : 26
Localização : Neverwere

MensagemAssunto: Re: Ato XXI - A Nomeação, Parte I   2/12/2017, 00:07

Em meio ao abraço com meus filhos meu coração batia em meu peito, mesmo após tanto tempo ele batia para celebrar o amor que sentíamos, para demonstrar ao meu corpo que mesmo o tempo não era capaz de apagar a velha chama que ardia em minha alma.

“Meu mundo só é belo por suas presenças meus filhos!”

A breve despedida me fazia rir, afinal Lotte não disfarçava nenhum pouco a brincadeira de se fazer de peso para Lorenz, era com minha filha nos braços de meu filho que eu saia do quarto, rindo eu quase corria pelo caminho, mas meus passos se estancavam ao ver a pequena na escada.

– O que a senhorita está aprontando?!

Eu perguntava ao subir as escadas e receber o caderno, minha letra estava ali, a copia exata se não fosse pelos traços mais rabiscados, o mesmo modo que eu usava quando jovem, mas é claro as palavras ali escritas só podiam ser da pequena.

O desenho da face de Fredy me fez rir, ainda mais quando minha pequena pedia pelo caderno de novo e esticava a face a pedido de um beijo.

– Perfeito, irei acordar nosso Eddie!

Beijando de leve a face da pequena eu segurava seu rosto para dar uma mais leve ainda mordida e correr na direção do quarto de meu amado irmão.

“Espero que Cassandra não se importe com a bagunça!”
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Danto
Admin
avatar

Mensagens : 4156
Data de inscrição : 04/06/2012
Idade : 27

MensagemAssunto: Re: Ato XXI - A Nomeação, Parte I   3/12/2017, 14:59

A pequena soltava um som extremamente similar ao de Lotte ao receber a mordida na face, para então mostrar a língua na sua direção e segurar o caderno bem próximo do tronco, apertando-o com as duas mãos e correndo na direção oposta da sua. Seus passos rápidos a levavam para o andar superior sem maiores dificuldades, faziam-se anos dês da ultima vez que você havia corrido desta forma, todavia, a felicidade dentro de ti era tão grande que em meio a corrida, seus lábios sorriam naturalmente enquanto sua mente planejava o que faria ao adentrar o quarto de Edgard.

Quarto de Edgard:
 

Pouquíssimos instantes depois do começo da sua corrida, você alcançava teu objetivo: A porta de mogno do quarto do seu irmão. O mesmo havia literalmente se mudado para o castelo depois de conseguir limpar seu próprio nome, a presença dele não era muito expansiva ou constante, optando sempre por abordagens mais silenciosas e pequeninas intervenções na proteção do local ou em aulas mais discretas aos que o procuravam.

Com cautela você abria a porta do quarto, para encontrar imediatamente o homem deitado sobre a cama. Ainda dormindo profundamente, sobre a mesa do quarto era fácil notar a presença de vários livros, anotações e pergaminhos, todos empilhados e arrumados metodicamente. Aliás, por alguns instantes você até considerava se seu filho não havia adormecido neste quarto, pois a limpeza era impecável! Sequer um único grão de poeira parecia existir ali!

O roupão feminino pendurado indicava que Edgard deixava alguns mimos separados para Cassandra, sua pupila e herdeira. Assim como a presença de dois conjuntos de toalhas postas a frente da porta. Junto da poltrona azul, você também notava a presença de alguns livros de literatura romântica, um traço claro da presença de Yalin. Todavia, o objeto mais interessante estava sobre a lareira: Um par de brincos que pertenciam a Carol, você sabia disso pois você mesma havia presentado sua amiga com eles!
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://berlimbynight.forumeiros.com
Jess

avatar

Mensagens : 2560
Data de inscrição : 12/01/2016
Idade : 26
Localização : Neverwere

MensagemAssunto: Re: Ato XXI - A Nomeação, Parte I   3/12/2017, 16:46

O som de minha pequena me fez rir, era impossivel negar que minha besta era mae de Lotte, haviam inúmeras semelhanças entre as duas e isso era lindo, meus passos rápidos eram compartilhados pela pequena, mas em direções completamente diferentes.

“Será que Lameth sabia desse tipo independência entre nós?  Ainda me pergunto o quanto ele sabia?

A corrida me animava completamente, mesmo que curta me fazia bem correr, ainda mais quando meu objetivo era tão nobre e especial. Com cuidado eu adentrava no quarto de meu querido irmão. Meus olhos estudavam o quarto simples e arrumado de Edgard com calma, era como se Lorenz houvesse passado ali instantes antes, organizado e metódico meu querido Edgard havia entrado em nossas vidas a sua maneira, singela e silenciosa.

“Você tem que marcar mais presença meu irmão, seu coração precisa de toda a atenção e cuidado.”

As pequenas marcas que não pertenciam a Edgard logo me foram reconhecidas, os pequenos mimos voltados para Cassandra, um bom sinal já que aos poucos a jovem assumia o papel de herdeira de meu irmão, os livros de romance era uma marca inconfundível de Yallin, uma aprendiz sempre incansável que meu irmão havia conseguido conquistar, mas foram os brincos na lareira que me deixavam surpresa.

“Conheço bem esses brincos! Isso é um sinal muito íntimo! Oque será que eles estão aprontando! ”

Animada com o pequeno rastro de Carol no quarto de meu amado Edgard, eu simplesmente não consegui esconder a animação ao pular sobre a cama de Eddie, para com um segundo pulo me ajoelhar e balançar o corpo de meu irmão.

– Vamos acordar Eddie! Que brincos são esses hein mocinho?!
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Danto
Admin
avatar

Mensagens : 4156
Data de inscrição : 04/06/2012
Idade : 27

MensagemAssunto: Re: Ato XXI - A Nomeação, Parte I   3/12/2017, 18:43

O colchão de molas reagia ao seu salto, reverberando um tremor que fazia o corpo de Edgard se movimentar bastante, além é claro do som alto que causava por causa do impacto. O segundo pulo não era tão estridente, porém, mais intenso! O homem deitado na cama olhava assustado na sua direção, para que pudesse em uma fração de segundos, decidir o que faria. A escolha era: Rir.

-Por tudo que é mais sagrado, Pita! Que susto!

Teu irmão de seita e escolha se divertia com risadas altas enquanto se ajustava na cama, revelando o tronco desnudo seguido por uma longa calça de moletom cinza escuro e meias da mesma tonalidade.

-Brincos? Que brincos?! Você andou fuçando nas minhas coisas foi?

Respondia o homem que apesar de sempre ser bastante discreto e reservado, nunca conseguiu realmente conter a alegria diante das suas explosões sentimentais, especialmente quando você sorria, isso parecia sempre lentar a moral daquele homem que tinha uma história realmente tenebrosa e violenta.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://berlimbynight.forumeiros.com
Jess

avatar

Mensagens : 2560
Data de inscrição : 12/01/2016
Idade : 26
Localização : Neverwere

MensagemAssunto: Re: Ato XXI - A Nomeação, Parte I   3/12/2017, 20:32

A vibração do colchão de molas me fez rir, ainda mais quando o corpo de Eddie vibrava por isso, o segundo pulo menos barulhento mas mais pesado era o suficiente para despertar meu irmão que assustado começava a rir comigo.

Sentando-me na cama eu não conseguia parar de rir, não quando estava tão feliz e inspirada, e claro as reações de Edgar apenas me impulsionavam ainda mais ao riso feliz.

– Bobo! Sabes bem que é falta de educação mecher nos pertences alheios! E que culpa eu tenho se meus olhos reconheceram os brincos que dei para Caroline em sua lareira?!

Puxando Edgard pelas mãos eu o abraçava com força apenas para não deixa-lo fugir ou tentar desconversar o assunto tão importante que se revelava ali.

– Se for o que estou pensando que é! Saiba que eu ficaria muito feliz!

Esperando pelas reações de meu irmão eu sorria curiosa, mas claramente atenta a cada pequeno gesto dele.

“Narses ficaria orgulhoso de Carol, ela vem se esforçando muito e Maria a ajudando sempre que pode!”
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Danto
Admin
avatar

Mensagens : 4156
Data de inscrição : 04/06/2012
Idade : 27

MensagemAssunto: Re: Ato XXI - A Nomeação, Parte I   3/12/2017, 23:44

As suas risadas alegres contagiavam Edgard, que inevitavelmente também exibia um largo sorriso divertido na face, um sorriso que ficava gigantesco quando o mesmo era abraçado por ti. Ali o teu irmão agia de maneira impulsiva, puxando para que ambos caíssem na cama de lado e com as cabeças nos travesseiros. O mesmo assim rolava para olhar o teto e dizer, acanhado:

-Eu pedi Caroline em namoro, ela não me deu nenhuma resposta. Apenas deixou o brinco sobre a lareira e eu realmente não sei o que isso significa... É como se ela se comunica-se através de um dialeto que eu não domino!

Afirmava o italiano no idioma natal que vocês compartilhavam. O mesmo então esfregava as mãos em uma expressão de ansiedade e virava-se para lhe encarar diretamente.

-Você realmente aprovaria irmã? De verdade?!

Questionava Edgard, que normalmente era aquele que tinha respostas e não as perguntas. Mas nesta situação, você o conhecia bem suficiente para afirmar: Ele nunca havia de fato mantido uma relação longa.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://berlimbynight.forumeiros.com
Jess

avatar

Mensagens : 2560
Data de inscrição : 12/01/2016
Idade : 26
Localização : Neverwere

MensagemAssunto: Re: Ato XXI - A Nomeação, Parte I   4/12/2017, 00:18

A risada e o sorriso de Eddie apenas me deixavam mais feliz ainda, sendo abraçada e deitada na cama eu beijava a testa de meu irmão para deitar em seu ombro com com carinho, ali eu o abraçava com força para ouvir suas palavras.

“Tão lindo como Eddie não consegue compreender sinais tão discretos!”

Sentando-me para ouvir sua pergunta eu sorria com carinho, Caroline não havia dado o brinco sem nenhum motivo se eu a conhecesse bem.

– É claro que eu permito! Na verdade você nem precisa da minha permissão seu bobo!

Tomando as mãos de Eddie eu as beijava com carinho para sorrir e comentar.

– Escute bem sua irmã, ela não lhe daria os brincos se fosse lhe rejeitar, talvez esteja confusa ou com medo, ou esperando por alguma aprovação! Mas está noite ela virá aqui, e tu dará um presente para ela, dizendo que vai ter paciência e esperar por ela.

Dando um leve tapinha no ombro de meu irmão eu abraçava para comentar de maneira calma.

– Isso me lembra o motivo de eu ter vindo pular na sua cama, sabe era um sonho infantil que eu sempre tive, ele surgiu logo depois de termos nos conhecido em Roma, mas na época era impossível, de qualquer forma fico feliz de poder realiza-lo. Ok, vamos a assuntos mais sérios, o tempo urge e eu não quero minhas orelhas puxadas, nossa regente me acordou com o chamado para uma reunião aqui em casa, preciso que você garanta que a presença dela seja a menor possível, nós dois sabemos como Melinda é e como ela consegue chamar atenção mesmo sem deseja-la.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Danto
Admin
avatar

Mensagens : 4156
Data de inscrição : 04/06/2012
Idade : 27

MensagemAssunto: Re: Ato XXI - A Nomeação, Parte I   4/12/2017, 12:56

Edgard claramente se surpreendia quando você afirmava que ele não precisaria da sua permissão, o que causava um clima bem divertido na cena.

-Mas como eu poderia namorar uma moça sem a permissão de minha família?!

Em seguida, ele focava nas suas palavras, exatamente como você pedia. Dando atenção a absolutamente tudo e deixando na face uma expressão de concentração e reflexão. Outra breve surpresa vinha diante da sua revelação a cerca do sonho realizado e prontamente ele se levantava da cama, contornando-a em breves instantes para em seguida estender a mão na sua direção em um convite para te ajudar a se levantar.

-Compreendi tudo que me disse irmã. Irei confeccionar o presente para Caroline e tomarei cuidado para que todos os preparativos sejam feitos para recebermos com maestria nossa honorável e inexorável Regente.

Edgard segurava então as suas mãos com carinho assim que você as entregava a ele, para lhe conduzir para um abraço de pé. Encostando sua cabeça no peito dele, seu irmão depositava um beijo sutil em sua cabeça para dizer:

-Por sorte isso não ocorreu em nossos anos em Roma, porque naquela ocasião as coisas teriam ido para outro lado... Mas quero que saiba que fico feliz, a cada noite que desperto sabendo que posso ter a certeza de que és eterna em minha vida, minha irmã.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://berlimbynight.forumeiros.com
Jess

avatar

Mensagens : 2560
Data de inscrição : 12/01/2016
Idade : 26
Localização : Neverwere

MensagemAssunto: Re: Ato XXI - A Nomeação, Parte I   4/12/2017, 14:18

A surpresa de Eddie apenas me fez rir mais, apesar de meu irmão, Edgard era mais velho do que eu e sabia bem o que lhe fazia bem ou não, mesmo assim suas palavras eram gentis e carinhosas.

– O certo seria eu pedir-lhe permissão meu querido, mas se a queres, saibas que a tens com todo meu carinho.

A concentração de Edgard sempre me pareceu louvável, se minha mente trabalhava com rapidez a de meu irmão superava em muito todo meu esforço, rindo da pequena revelação ali feita eu observava seus movimentos, aceitando a ajuda de suas mãos eu sorria ao escutar suas palavras.

– Sei que executarás essas duas tarefas com excelência, apenas tenha um pouco de paciência, e seu coração será recompensado.

O abraço entre nós me fez suspirar, eu me lembrava da primeira vez que abraçará Edgard, logo após o teste final de Eva e antes de minha apresentação ao Cardeal, desde então os anos nos ensinaram muito um sobre o outro.

O singelo beijo e suas palavras apenas trouxeram um aperto maior para meus braços, com carinho eu o encarava sorrindo de forma delicada.

– Roma só me fez bem porque lá eu conheci você e Olympia, eramos jovens demais naquela época. Talvez tivéssemos sido um belo casal, mas prefiro o que o destino nos reservou, afinal és meu amado irmão e mentor, mais do que isso um amigo especial que jurei cuidar como cuidou de minha pessoa.

“Não, Roma teria acabado com qualquer chance de darmos certo, aquela cidade não servia para o amor.”
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Danto
Admin
avatar

Mensagens : 4156
Data de inscrição : 04/06/2012
Idade : 27

MensagemAssunto: Re: Ato XXI - A Nomeação, Parte I   4/12/2017, 15:34

-Bem, se você assim diz eu devo compreender como correto, afinal, família sempre foi algo que eu falhei em ter em todas as vidas que vivi. Até ser resgatado por ti...

Respondia Edgard após o final do abraço, o alto e experiente italiano fazia um suave movimento de agradecimento com a cabeça, uma saudação curtíssima que era comum no passado entre as pessoas e que agora havia sido substituído por apertões de mãos ou signos que Lotte fazia questão de não lhe explicar o significado.

-Aprendi contigo a encontrar e cuidar do belo que ainda há neste mundo. Por isso sempre cuidei de ti Pietra, porque eu sabia que o mundo inteiro jamais se recuperaria caso teu sorriso sumisse.

O homem então caminhava até a lareira, movimentando a mão direita como se esta estivesse a empurrar o próprio ar do local, na direção das madeiras ali postas, que prontamente começavam a queimar em brasas e a esquentar o quarto.

-Agora, sente-se e vamos conversar. Sei que o tempo é curto, mas nossa Regente havia deixado instruções à mim para quando esta reunião ocorresse, por tanto, devo cumprir minhas tarefas e deveres. A temperatura lhe agrada irmã?

Aguardando a sua resposta, o homem sorria e seguia para dentro do banheiro, mantendo a porta aberta mais adentrando box do chuveiro, cujo vidro fosco criava uma barreira natural para detalhes que não precisavam ser compartilhados.

-Os tempos estão mudando e a Espada de Caim assim pretende fazer, minhas reuniões com o novo Arcebispo de Nod tem se mostrado muito boas estamos a finalizar a criação de uma nova Trilha Oficial para a Espada. Todavia, Melinda não mais pretende apoiar a caça à humanidade, pelo contrário... Uma nova ordem vem surgido em prol da humanidade entre os Prisci e este assunto será debatido. Assim como ela espera que eu dê meu veredito sobre a sua inclinação a não mais atuar apenas em Berlim e sim na Europa Oriental como um todo.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://berlimbynight.forumeiros.com
Jess

avatar

Mensagens : 2560
Data de inscrição : 12/01/2016
Idade : 26
Localização : Neverwere

MensagemAssunto: Re: Ato XXI - A Nomeação, Parte I   4/12/2017, 17:30

As palavras de Eddie e seu pequeno agradecimento me fizeram sorrir, respondendo da maneira adequada eu o seguia a apenas alguns passos de distância, éramos realmente velhos e alguns costumes que em nossa juventude imperava já havia se extinguido ou simplesmente mudado como aquele cumprimento.

– Eu lhe ensinei apenas aquilo que seu coração precisava aprender meu querido, obrigada por me considerar como uma beleza essência.

Observando o gesto de Edgard eu sorria ao ver a madeira começar a queimar, era simplesmente magnifico ver os efeitos da mágika que meu irmão dominava com tanta maestria.

– Está agradável sim Eddie, quanto ao tempo, temos o suficiente para conversar e aprontar o que for necessário. Melinda se prontificou a chegar quando todos estivessem prontos, isso incluiu você.

Sentando-me na mesa perto da lareira eu suspirava com delicadeza sentindo o fogo criar seu calor, Edgard rumava para o banheiro e de lá continuava a falar, mantendo nossa conversa em andamento.

“Faz sentido ele só me contar que Melinda queria essa reunião a um tempo. Isso influenciaria muitas coisas.”

Ouvindo com atenção as palavras de meu irmão eu mantinha um sorriso calmo nos lábios, cruzando as penas e apoiando meu cotovelo em meu joelho eu assumia minha posição favorita para pensar e debater.

– Fico feliz em saber que seus encontros dom o novo Arcebispo de Nod tem se mostrado proveitosas, já faz alguns anos que fui avisada que os ventos da mudança havia começado seu trabalho, a Espada como um todo precisa acompanhar essas mudanças para se manter forte, Melinda mais do que ninguém sabe disso.

A informação sobre a retirada de apoio para a caçada das trilhas humanistas me fez sorrir, havia algo a mais ali, algo que talvez apenas a própria Melinda pudesse explicar, mas as palavras de meu irmão sobre seu veredito ainda me eram uma surpresa interessante.

– Uma hora essa caçada iria terminar, perdemos muito com ela, só espero que não se inicia mais uma guerra interna dentro da Espada, isso seria terrível. Europa Oriental! É um terreno um pouco extenso não? Mas imagino que a conversa sobre a nova ordem de Priscis tem algo a ver ou eu estaria enganada meu querido?
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Danto
Admin
avatar

Mensagens : 4156
Data de inscrição : 04/06/2012
Idade : 27

MensagemAssunto: Re: Ato XXI - A Nomeação, Parte I   4/12/2017, 19:31

Sentada junto a mesa, você via um dos cardenos se abrir sozinho após uma lufada sútil de vento, ali havia uma frase simples escrita: "Não agradeça a mim pelo que és, cabe a mim agradecer todas as noites por saber que você está aqui e juntos seremos uma família". Era uma frase escrita a muito tempo atrás, por seu próprio punho em uma carta antiga endereçada à Edgard, mas este fragmento estava colado na parte central de um página onde o próprio Edgard explicava para si mesmo as razões que tinha para agora não mais dormir. Isso era feito enquanto o som do chuveiro se fazia presente, e logo após a sua última pergunta. Pergunta esta que era logo respondida pelo homem que elava a voz por causa da água.

-Você compartilha com vossa Rainha o mesmo desejo pela paz dentro de nossa Seita, o derramamento de sangue precisa cessar e precisamos solidificar melhor nossas próprias fundamentações e leis. Muito será revisado daqui em diante e você é uma das escolhidas dela minha querida irmã... A Europa Oriental pode ser muito extensa de fato e você tem razão, toda a conversa estará conectada. Mas aqui vai a fundamental pergunta: Pietra, você tem a ambição de ser maior, ser na realidade, uma figura enorme e inesquecível na história do nosso povo e seita?

A pergunta de Edgard pairava sobre o ar, ele então permaneceria em silêncio e lhe daria espaço suficiente para que você pensasse no assunto e o respondesse sem nenhuma pressa ou pressão. Era possível ouvir ele se banhar e também ouvir o queimar das madeiras que esquentavam o quarto, o cheiro de carvalho seco aos poucos adentrava suas narinas e a remetia a um passado distante... Madrid, onde Edgard sempre usava ao menos uma viga de carvalho em todos seus festins, que aos olhos do experiente feiticeiro significavam tudo que um verdadeiro líder deveria ser: resistente aos desejos internos, duradouro para que seu legado fosse coeso, maleável afim de não tornar-se um tirano e impermeável as tempestades que o destino o reservara.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://berlimbynight.forumeiros.com
Jess

avatar

Mensagens : 2560
Data de inscrição : 12/01/2016
Idade : 26
Localização : Neverwere

MensagemAssunto: Re: Ato XXI - A Nomeação, Parte I   4/12/2017, 20:13

O movimento sutil do vento me chamou a atenção, puxando com delicadeza o livro recém-aberto para perto eu observava o que estava escrito, uma onda de carinho se apossou de meu coração, afinal ali estava a mais pura declaração de amor de meu irmão, passando com delicadeza meus dedos sobres as letras ali gravadas.

“Eu também te amo Eddie, sempre te amei meu irmão!”

Ouvindo as palavras de meu irmão, a compreensão do que estava se formando se fazia aos poucos, mas a pergunta ali deixada era a verdadeira questão a ser debatida, afinal eu realmente desejaria sair de minha casa? Desabrigar minhas raízes que agora se fincavam em Berlim? Perguntas que eu teria de responder a mim mesma antes de poder encarar minha Rainha.

Levantando-me eu andava até a lareira, ali o cheiro da madeira de carvalho queimando tomava meus nariz, Edgard sempre usará aquela madeira durante os festins em Madrid, ali no formato da tora estava a representação perfeita de um líder, algo que meu irmão sempre tentará alcançar como sacerdote.

– Sabe, se você tivesse me perguntado isso antes do festim em que tivemos Althea, eu lhe teria dito não. Na época eu não queria ser Bispo, mas por falta de um nome melhor aceitei a nomeação, na época eu não havia entendido que precisávamos mudar, eu ainda temia muitas coisas e mais do que nunca apenas queria me esconder em meu ateliê. De certa forma sou grata a Althea, ela me ensinou muito mais do que desejaria ter me ensinado. Com ela aprendi o que não ser, como não agir e o mais importante ela me mostrou a face daquilo que temos de mais perigoso dentro da Espada, aquilo que agora Melinda decidiu reverter. Eu quero me tornar grande meu irmão, para honrar tudo que foi me ensinado, orgulhar aqueles que partiram mas deixaram seus trabalhos inacabados, porque eu vi o que pessoas como Althea fazem, e se eu puder evitar mais derramamento de sangue o farei com orgulho.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Danto
Admin
avatar

Mensagens : 4156
Data de inscrição : 04/06/2012
Idade : 27

MensagemAssunto: Re: Ato XXI - A Nomeação, Parte I   4/12/2017, 21:22

Seus experientes olhos observavam a madeira queimar, antes apenas essa ação poderia lhe causar medo ou receio, mas agora você sentia cada vez mais que a sua força e a sua luz, haviam alcançado um patamar acima do que você mesma esperava. A sua fala determinada então ressoava pelo quarto, Eddie em silêncio certamente a ouvia com atenção, não seria nenhum exagero presumir que o mesmo até usaria de auspícios para que a distância entre vocês fosse mínima. E ainda em silêncio ele desligava o chuveiro e saía do box, para se vestir em um roupão vinho e sair do banheiro. Ali, você sentia e via, o orgulho que teu irmão sentia de ti.

-Eu esperei pacientemente por esse dia chegar. E ele enfim está aqui, minha irmã, meu orgulho por ti é imensurável e partir desta data, até meu ultimo suspiro, eu irei me dedicar para que o teu nome ascenda ao máximo. Porque o mundo certamente ficaria de luto sem tua beleza, mas ele irá partir sem tua liderança.

Ele então se aproximava, fazendo um sinal para que você o acompanha-se e abaixava ali diante das chamas, esticando as duas mãos na direção desta. Aquecendo-se após um banho frio que havia tomado.

-Olhe bem para estas brasas, lembre-se deste momento. Aqui sua jornada enfim começa minha querida, suas raízes estarão para sempre nesta cidade, nesse castelo. Mas é hora de crescer... Tome seu tempo aqui, reflita sobre tua vida até então, todos esses longos séculos e veja como tudo a forjou para este momento. Depois, vá preparar-se para encontrar sua Rainha é chegado o momento minha querida.

Finalizava o teu irmão com um tom bem tranquilo e confiante de voz. Deixando todo tempo para que você formula-se a sua resposta.

[Off: Última ação para o final do ato.]


Última edição por Danto em 4/12/2017, 22:10, editado 1 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://berlimbynight.forumeiros.com
Conteúdo patrocinado




MensagemAssunto: Re: Ato XXI - A Nomeação, Parte I   

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
Ato XXI - A Nomeação, Parte I
Voltar ao Topo 
Página 3 de 4Ir à página : Anterior  1, 2, 3, 4  Seguinte
 Tópicos similares
-
» VW New Beetle - O Presente Parte 3....
» Meus Kit´s - Adriano Faria / 3º parte
» Ferrari Enzo - "FIORANO"
» Vendo parte da minha coleção
» Podcast Revolution #019 - Outras Figures Parte 1

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
WoD by Night :: Memórias de Berlim-
Ir para: