WoD by Night

Narrativa de Vampiro a Máscara: 20 anos


    Ato XXI - A Chegada do Jardim I

    Compartilhe
    avatar
    Danto
    Admin

    Mensagens : 3920
    Data de inscrição : 04/06/2012
    Idade : 26

    Re: Ato XXI - A Chegada do Jardim I

    Mensagem por Danto em 22/4/2018, 14:29

    -Ta certo, tá certo! Não vou me preocupar então!

    Afirmava o gigante enquanto a sereia se arrumava sobre o colo do mesmo, ela tinha tanta liberdade ali que chegava a tomar as mãos de Alfie, puxando-as para que as mesmas a abraçassem e somente assim, em silêncio ela ouvia a explicação que você dava sobre Lucita.

    -Estou quase a sair correndo pelo castelo a gritar a plenos pulmões: Meus amores estão aqui!

    Brincava Eva, fazendo Alfonsus rir só de imaginar a ideia. O homem então olhava na sua direção e comentava:

    -O que acontece nesse castelo que as moças de cabelos dourados querem correr peladas por dentro dele eim!?

    Rindo Alfonsus fazia uma menção a Helena, que claramente não fazia muito sentido pra Eva. A sereia inclinava a cabeça e olhava confusa para o gigante e depois para você, na esperança de ouvir uma explicação.

    -Acredito sinceramente que isso deixaria Monçada verdadeiramente orgulhoso!

    Dizia Fredy para ouvir logo de imediato uma resposta bem humorada de Eva:

    -Não concordo contigo Fredy, acho que o Monçada não iria gostar de me ouvir gritando desnuda por ai!

    Alfonsus caia na risada imediatamente, enquanto Fredy parecia incrédulo com a brincadeira de Eva. Ao ponto de puxar um dos travesseiros e atirar contra a mesma! Pegando-a de surpresa e provocando divertidas risadas dela.

    -Estou a falar sobre a relação de Pita e Lucita! Não disso né!

    Comentava Fredy que suavemente começava a convidar para um abraço mais próximo, quase como que quisesse dizer de maneira não direta ou verbal que adoraria que você tomasse conta do colo dele. Essa era uma das formas que o Lorde encontrava de manifestar o quanto ele havia sentido a sua falta nesses dias de distância.
    avatar
    Jess

    Mensagens : 2362
    Data de inscrição : 12/01/2016
    Idade : 26
    Localização : Neverwere

    Re: Ato XXI - A Chegada do Jardim I

    Mensagem por Jess em 22/4/2018, 15:05

    Rindo com as palavras de Alfie, eu sorria feliz ao me sentar na cama, afinal não queria que meu gigante se preocupasse em achar que eu estava roubando Fredy totalmente, porém as palavras de Eva assim como o pequeno comentário de meu Gigante me fizeram gargalhar sem medo.

    – Melisande ficaria louca com isso!

    Respondia ao balançar a cabeça e tampar minhas risadas, afinal não queria um ataque de mordidas da curiosa Eva, não quando ainda tínhamos tantas coisas a discutir e conversar.

    Respirando fundo para encarar meu Lorde eu sorria concordando com o mesmo, Monçada ficaria feliz por saber que um relacionamento saudável havia se formado entre Lucita e eu, algo que adoraria fazer crescer sem medo. Já as palavras de Eva e a pequena brincadeira de Fredy traziam um novo riso aos meus lábios, algo que não podia evitar, não quando estava tão feliz.

    – Nada de loiras correndo pelo castelo peladas! Como podemos fazer um sarau com pessoas correndo assim pelo castelo?! Melisande puxaria minhas orelhas e com toda a razão é claro!

    Aceitando o convite suave de Fredy, eu subia novamente para seu colo enrolando-me em seus braços, apenas para morder deu queixo e rir baixinho disso.

    “Começo a ter medo do furacão que vai ser essas duas juntas!”
    avatar
    Danto
    Admin

    Mensagens : 3920
    Data de inscrição : 04/06/2012
    Idade : 26

    Re: Ato XXI - A Chegada do Jardim I

    Mensagem por Danto em 22/4/2018, 21:28

    Fredy cuidadosamente a acolhia dentro dos braços dele, para rir de maneira um pouco desajeitada ao receber a mordida no queixo.

    -Melisande? Vocês realmente estão se entendendo Pita?!

    Perguntava Eva de maneira curiosa, Alfie ainda ria um pouco só de imaginar como seria ter que perseguir Evangeline e Helena juntas a correr pelo castelo e o quanto isso deixaria Melisande irritada.

    -Aliás, porque não nos atualizamos enquanto conhecemos o nosso quarto aqui no castelo? Digo, nada contra este, mas eu soube que foi separada uma ala inteira só para nós, gostaria de conhecer esses pequenos caprichos que Melinda nos separou.

    Eva concordava, mas parecia só agora ter entendido perfeitamente a sua fala. Para assim, saltar do colo de Alfie e literalmente, engatinhar pela cama para se atirar contra você e acabar por derrubar Fredy contra a cama.

    -Amei a ideia! Um sarau! Que lindo, por sorte trouxe Albert e Erika! Seria lindo se eles se apresentassem não seria?! Aliás, lembrei! Claudia está vindo tá Alfie?!

    O gigante sorria feliz, claramente aliviado com a notícia de que sua primeira prole estaria presente.

    -Maravilhoso! Eva, você realmente conseguiu trazer todos?

    A loira balançava a cabeça positivamente e completava:

    -Se tudo der certo, até Lucinde, Yer e Hans conseguiram passar ao menos uma noitezinha aqui conosco! E bem, eu amei a ideia do Fredy! Quem mais gostou dela?

    Questionava Eva, que logo notava a mão levantada de Alfie, indicando que ele apoiaria a ideia.

    -Mas claro, você precisa se vestir antes né?

    Eva olhava na direção de Alfonsus e piscava para o homem, para provocá-lo:

    -Você não costumava reclamar sobre isso querido!

    Alfonsus imediatamente se avermelhava e desviava os olhos, sem graça com a fala da sedutora e esperta sereia que tratava de rir um pouco mais da situação enquanto saia de cima de você, sem antes é claro, roubar-lhe um beijo carinhoso.
    avatar
    Jess

    Mensagens : 2362
    Data de inscrição : 12/01/2016
    Idade : 26
    Localização : Neverwere

    Re: Ato XXI - A Chegada do Jardim I

    Mensagem por Jess em 22/4/2018, 22:40

    O abraço de Fredy me fazia suspirar feliz e sem medo, ouvindo a pergunta de Eva eu sorria para minha musa ao responde-la de maneira breve.

    – Nos entendemos finalmente, já não temos mais medo de uma roubar o lugar da outra. Mas isso não é motivo para abusar da boa vontade dela.

    A sugestão de Fredy me fazia beijar seus lábios com rapidez apenas para rir concordando com o mesmo, seria magnifico mostrar o Hall de Ouro para meus dois amados, ainda mais quando eu sabia que Eva amaria a banheira espaçosa no banheiro.

    – Perfeito, Melisande nos deu uma ala inteira do Castelo para que ficássemos confortáveis!

    A animação de minha musa me fez rir, recebendo-a em meus braços eu a beijava com carinho, brincando com suas madeixas douradas eu deixava que seu perfume invadisse minha alma apenas para comentar de maneira breve.

    – Luana queria um baile, mas imaginei que todos estariam cansados. Será lindo ver Albert e Erika se apresentarem, lindo.

    “Lucinde também virá? Por deus teremos 4 loiras para nos preocupar então? Helena vai amar aquela francesa diminuta! ”

    Apertando Eva em meus braços eu ria ao ver a pequena correr para proteger seu Gigante envergonhado, meus dentes por outro lado mordiam a bochecha de Eva de forma carinhosa para responder a pequena brincadeira dela.

    – Comporte-se Ettie! Não queremos que Melisande puxe minhas orelhas, além do mais como você quer conhecer Helena sem roupas?
    avatar
    Danto
    Admin

    Mensagens : 3920
    Data de inscrição : 04/06/2012
    Idade : 26

    Re: Ato XXI - A Chegada do Jardim I

    Mensagem por Danto em 23/4/2018, 15:32

    Evangeline soltava um pequenino gemido de protesto por ter as bochechas mordidas. Cruzando os braços a loira fingia estar "brava" por você ter pedido para ela se comportar, mas a própria loira não conseguia manter a brincadeira por muito tempo, afinal, a pequena saia correndo para proteger Alfonsus em uma cena que causava suspiros, tanto nela quanto em Friederich.

    -Tá bem! Vou me comportar prometo! Já volto tá?!

    Ela piscava na sua direção e saia com agilidade da cama, correndo para dentro do banheiro enquanto Fredy se espreguiçava. Alfie agora tinha a pequena no colo, abraçado com ela o gigante observa calmamente a cena e fazia um movimento de convite para Friderich, ali então você testemunhava um beijo carinhoso entre os dois homens, algo curto mais com muitos significados e importâncias, afinal o ultimo encontro entre os dois acabou por avançar bastante a intimidade entre ambos.

    -Fico feliz que estejas bem Alfie.

    Dizia Fredy. O gigante sorria e comentava:

    -E eu fico ainda mais feliz em saber que você e Eva finalmente conseguiram avançar queridos, vê-los dormindo juntos foi maravilhoso, não foi Pita?

    A pergunta de Alfie era feita quase que ao mesmo tempo em que a porta do banheiro volta a se abrir, de dentro do mesmo saia Eva com um vestido leve e um sorriso enorme na face.

    -O que acharam?

    Sorridente ela fazia um giro completo, para então voltar a posição original e aguardar as reações.

    -Linda como sempre!

    Dizia Fredy enquanto Alfie e a pequena aplaudiam alegres a beleza de Eva, que abria ainda mais o sorriso dela. Agora era a vez de Fredy se levantar e ir se trocar, para que assim enfim vocês pudessem seguir até o hall de ouro.

    Roupas de Eva:
    Primeira imagem:
    Segunda Imagem:
    avatar
    Jess

    Mensagens : 2362
    Data de inscrição : 12/01/2016
    Idade : 26
    Localização : Neverwere

    Re: Ato XXI - A Chegada do Jardim I

    Mensagem por Jess em 23/4/2018, 16:40

    O gemido e a pequena cena de Eva não me convenciam de nada, afinal minha musa era especialista em fazer aquelas belas cenas para amolecer a todos, algo que os anos me haviam ensinado a ser mais resistente. Porém a risada de minha bela musa desmanchava sua pequena cena me fazendo rir, já que a pequena corria para proteger seu amado gigante.

    – Perfeito, vou confiar em suas palavras mia amata.

    Beijando seus lábios para vê-la correr até o banheiro eu ria ao me sentar na cama e observar Alfie e Fredy, o breve mas significativo beijo entre meus dois homens me fez suspirar, algo que era compartilhado pela pequena.

    “Espero que Villon aceite o convite para jantar com Melinda, seria bom apresentar Fredy e Eva ao eterno monarca.”

    – Começo a acreditar que esse castelo tem uma habilidade de transformar sonhos em realidade!

    Comentava ao ver Eva adentrar novamente no quarto, suspirando de leve ao ver minha musa em um vestido tão solto e leve fazia meu coração se desmanchar em amores.

    – Está magnifica Ettie, será difícil ninguém virar os olhos na sua direção.
    avatar
    Danto
    Admin

    Mensagens : 3920
    Data de inscrição : 04/06/2012
    Idade : 26

    Re: Ato XXI - A Chegada do Jardim I

    Mensagem por Danto em 23/4/2018, 19:11

    -Maravilhosa, como sempre Eva!

    Dizia Alfonsus assim que você terminava a sua fala. A linda loira e sua eterna musa soltava algumas risadinhas divertidas e então trava de correr na direção da cama, para puxar a pequena para um abraço bem apertado, algo que a fazia ronronar de alegria e felicidade.

    -Mal posso esperar para poder ver todos novamente!

    Dizia Eva enquanto apertava a pequena que agora tratava de se encolher no colo de sua amada sereia. E assim vocês tiveram que esperar apenas por mais alguns instantes até Fredy sair pronto do banheiro e sinalizar que vocês poderiam começar a andar.

    O caminho era bem simples, Thesa já não mais os esperava do lado de fora e isso indicava que a mesma certamente havia sido chamada pro Francesco ou Lena para ajudar em alguma tarefa, imaginar no entanto que essa possível tarefa tinha haver com o sarau era até o mais obvio a se fazer.

    Por tanto, coube a besta indicar o caminho de retorno até o lindo hall dourado. E assim que vocês adentravam o mesmo, Evangeline suspirava encantada! Fredy surpreso observava cada pequeno detalhe, no entanto, não foi nenhum dos dois que roubou a cena. Mas sim a figura de seus dois filhos descendo junto as escadarias em uma corrida animada e energética, ambos capturavam Evangeline em um abraço tão forte que ela chegava a soltar um gritinho de susto!

    -Ainda me surpreendo como as raízes do nosso jardim pode sustentar tanto amor e carinho.

    Comentava Fredy que prontamente recebia a mão direita de Alfonsus sobre o ombro, enquanto o gigante afirmava para o Lorde:

    -Também me faço a mesma questão querido. Mas então eu lembro que os amargores ficaram no passado para que o doce desses novos amores pudesse existir com tanta força e vitalidade. É o processo natural da vida sabe?

    O lorde concordava positivamente e em seguida você ouvia a voz de Lorenz:

    -Mãe! É verdade? Teremos um sarau para apresentar todo o jardim a Helena? Será lindo! Muito lindo!

    Roupas Fredy:
    avatar
    Jess

    Mensagens : 2362
    Data de inscrição : 12/01/2016
    Idade : 26
    Localização : Neverwere

    Re: Ato XXI - A Chegada do Jardim I

    Mensagem por Jess em 23/4/2018, 20:51

    Os elogios dados a Eva nunca chegariam a real beleza que minha eterna musa realmente possuía, algo que o tempo havia me ensinado a amar assim como sua personalidade tempestuosa e amorosa.

    A corrida de Eva e a tomada de minha pequena em seu colo me fez suspirar feliz, a própria pequena o suspirava se encolhendo para receber os mimos e carinhos de nossa amada, algo que preenchia nosso coração com força.

    – Não vai demorar muito agora.

    Comentava ao ver Fredy ir se vestir, observando minha musa a brincar com minha pequena eu sorria para ao deixar que aquela pequena cena se infiltrasse em meus olhos, afinal mesmo que estivéssemos separadas por pouco tempo eu havia sentido a mais pura falta desses carinhos.

    A volta de Fredy era um marco para nos movermos, a saída do quarto foi marcada pela falta da presença de Thesa, um indicio claro de que os preparativos começavam a ser feitos para nosso pequeno sarau, sendo assim era a pequena sorridente que nos guiava sem pressa.

    “Espero que Helena não esteja usando seus dons para escutar pelo castelo, isso acabaria com toda a surpresa.”

    A chegada no Hall Dourado me fez sorrir, a reação de Eva e Fredy era coroada com a chegada de Lorenz e Lotte, o abraço apertado em nossa musa arrancava verdadeiros suspiros de meus lábios, ainda mais quando as palavras de meus dois amores se faziam presente.

    – Amar nunca é demais, ele é um sentimento grandioso que se contido amarga.

    Sorrindo para meu querido filho, eu o abraçava para concordar de leve e responde-lo.

    – Sim, vamos fazer um sarau. Assim não cansamos ninguém e podemos apresentar Helena sem medo. Mas nada de ficar falando isso em voz alta, ela pode escutar!
    avatar
    Danto
    Admin

    Mensagens : 3920
    Data de inscrição : 04/06/2012
    Idade : 26

    Re: Ato XXI - A Chegada do Jardim I

    Mensagem por Danto em 24/4/2018, 11:23

    Alfie concordava suavemente com a sua fala sobre o amor, afinal, o próprio homem havia sentido esse amargurar no passado, enquanto Fredy parecia pensar a respeito da mesma e comentar:

    -Tens razão Pita e sinceramente, ainda bem que eu tive a paciência para esperar.

    O comentário de Fredy era feito em um tom baixo de voz e alguns instantes anteriores ao seu abraço em Lorenz. Neste, seu filho celebrava a ideia do sarau e aproveitava também para lhe dar boa noite de maneira carinhosa como sempre fazia. Lotte prontamente então aproveitava a deixa para correr e abraçar Fredy.

    -Pai! Oi! Que saudades! Me desculpe a forma afoita de pergunta isso mas... Yalin veio?

    Fredy sorria, para fazer um carinho suave na face de Lotte.

    -Sim querida, ela apenas deve estar terminar de dormir! Em breve vocês poderão matar essa enorme saudade que sentem...

    Lotte comemorava com um largo sorriso, para assim poder também abraçar Alfonsus e em seguida, lhe abraçar. E assim que isso ocorria, a sua besta chamava a sua atenção. A mesma apontava para a escadaria, indicando que vocês teriam pouco tempo para apresentar o quarto a Eva e Fredy.
    avatar
    Jess

    Mensagens : 2362
    Data de inscrição : 12/01/2016
    Idade : 26
    Localização : Neverwere

    Re: Ato XXI - A Chegada do Jardim I

    Mensagem por Jess em 24/4/2018, 14:58

    O concordar de Alfie e as palavras de Fredy me fizeram sorrir com carinho, de certa forma todos nós havíamos esperado nossa parcela de tempo, até mesmo Eva e eu tivemos nosso tempo de espera para que aquele amor se transformasse em algo maior.

    “Meu coração finalmente está em paz, falta uma peça é claro, mas sei que nos resolveremos. Não é Elonzo?!”

    Aproveitando a pequena troca de carinhos com Renz eu sorria ao ver a animação de meu filho, porem um riso ecoava por meus lábios ao ver Lotte e sua saudades de Yallin, algo que fazia meu coração se alegrar devido ao carinho que as duas irmãs tinham uma pela outra.

    – Não demora muito e ela acorda minha querida, é um pouco de cansaço da viagem nada demais.

    O pequeno aviso de minha pequena me fez consentir com a mesma, logo não teríamos mais tempo para apresentar os aposentos a Fredy e Eva, por isso era com calma que esperava nossos filhos terminarem de recebe-los, para tomar as mãos de meus amados e puxa-los na direção do quarto, algo que era seguido prontamente pela pequena em seu gigante.

    –Desculpa, mas temos que apressar o passo. Ainda tenho que acordar a Beth e Alfie e eu temos que ir visitar Helena, para que ela não desconfie de nada!
    avatar
    Danto
    Admin

    Mensagens : 3920
    Data de inscrição : 04/06/2012
    Idade : 26

    Re: Ato XXI - A Chegada do Jardim I

    Mensagem por Danto em 24/4/2018, 18:57

    -Tudo bem, eu vou tentar não invadir o quarto dela. Prometo!

    Dizia Lotte com um sorriso sapeca na face assim que ouvia a sua fala, Lorenz prontamente se colocava ao lado da irmã para olhar na direção dela e em seguida na sua, sorrindo de maneira gentil, o sempre prestativo rapaz dizia:

    -Tudo bem mãe! Nos vemos mais tarde então, aproveitem o passeio!

    Dizia Renz para Eva e Fredy, em uma curta despedida. Eva fazia questão então de dar mais um beijo na face de cada um dos seus filhos para somente assim, aceitar o convite da besta que já estava próxima de bater o pé! Assim, vocês todos subiam as escadas, passando pela sala de estar, tendo acesso ao corredor e finalmente ao quarto. A besta abria a porta de maneira animada, permitindo a passagem de vocês.

    Fredy adentrava curioso, olhando os arredores. Enquanto Evangeline corria para dentro do quarto e exclamava:

    -Que maravilhoso! Mas sinto que existe algo ainda mais lindo e fascinante para meus olhos, afinal, a pequena está super agitada! O que é Pita?

    Questionava a sua eterna musa enquanto por fim, Alfonsus adentrava o quarto e convidava Fredy para observar o tamanho da cama em uma ação gestual bem simples. O lorde prontamente sinalizava positivamente com a cabeça e comentava:

    -Perfeita.

    Alfie completava:

    -Ficará ainda mais perfeita quando todos estivermos nela.
    avatar
    Jess

    Mensagens : 2362
    Data de inscrição : 12/01/2016
    Idade : 26
    Localização : Neverwere

    Re: Ato XXI - A Chegada do Jardim I

    Mensagem por Jess em 25/4/2018, 11:11

    As palavras de minha filha e seu sorriso maroto, claramente entregavam o que ela faria a seguir, algo que trazia um riso aos meus lábios, ainda mais quando me despedia com brevidade de Renz, afinal ele estava animado como sarau e eu entendia isso.

    – Renz, me faça o favor de pedir a um dos vassalos do castelo, para convidar Lady Melisande e Melinda, diga a Melisande que caso seja confortável que ela pode trazer Lucita.

    Comentava ao beijar as mãos de meu amado filho, a birra de minha pequena me fazia rir baixinho, ela queria muito mostrar as maravilhas de nosso quarto, principalmente a que se encontrava no banheiro.

    “Será bom Lucita tomar conhecimento de Helena e sua força, se for de forma casual melhor ainda.”

    Sorrindo diante da animação de minha pequena, eu suspirava ao entrar em nossos aposentos, ali meu coração de animava diante de meus dois homens, sorrindo para Eva eu corria para puxa-la até o banheiro e comentar.

    – Vem ver isso aqui! É a melhor vista do castelo inteiro!
    avatar
    Danto
    Admin

    Mensagens : 3920
    Data de inscrição : 04/06/2012
    Idade : 26

    Re: Ato XXI - A Chegada do Jardim I

    Mensagem por Danto em 25/4/2018, 15:09

    Banheiro:

    Assim que a sua mão se firmava junto com a de Eva, a pequena tratava de correr e abrir a porta do banheiro, assim vocês duas conseguiam adentrar aquele lindo ambiente sem muito mais demorar. A pequena vinha logo em seguida, apenas para poder se maravilhar com a reação de Evangeline.

    -Mon amour! Que vista maravilhosa! Podemos ficar a noite inteirinha aqui?

    Perguntava a sereia com um enorme sorriso na face enquanto olhava o arredor, admirando a decoração do banheiro, mas obviamente ao notar a janela, tratava de correr para apoiar as mãos na mesma e inclinar o corpo para frente, afim de sentir o vento e poder ver totalmente aquela vista maravilhosa que havia ali.

    -Pita!

    Dizia Eva com os olhos suavemente marejados, a besta suspirava adorando a reação de Evangeline. Ali a mesma confessava:

    -Lembra quando eu disse que sonhava em conhecer o novo mundo? Ele é maravilhoso não é?! Nós finalmente chegamos! É um sonho...

    Enquanto ela falava, você ouvia a porta abrir atrás de ti, assim os dois homens adentravam o ambiente de maneira mais tímida e até silenciosa, afinal eles logo entendiam que algo estava a ocorrer.
    avatar
    Jess

    Mensagens : 2362
    Data de inscrição : 12/01/2016
    Idade : 26
    Localização : Neverwere

    Re: Ato XXI - A Chegada do Jardim I

    Mensagem por Jess em 25/4/2018, 17:09

    Uma euforia tomava conta de meu coração ao correr com Eva de mãos dadas, a pequena tomava nossa frente abrindo passagem, algo que me fazia sorrir com leveza já que correr com Eva e minha pequena era um sonho que sempre se realizava de maneira carinhosa.

    As primeiras palavras de minha musa me faziam rir ao concordar com ela, tomando a pequena em meus braços eu a apertava para responder Eva com um sorriso feliz.

    – Essa noite não, mas podemos ter uma só nossa nas próximas!

    Acompanhando o caminhar de Eva até a sacada eu sentia meu coração se encher de carinho, assim como o da pequena que me deixava mais feliz.

    “O destino quis que aqui chegássemos quando estivéssemos cheias de amor, não vazias e temerosas. Eu sou grata a ele, eternamente.”

    A entrada de Alfonsus e Fredy acompanhados do lacrimejar de Eva me fez suspirar, era com calma que me aproximava de minha bela musa para beijar-lhe os lábios com a amor e carinho, assim como impedir que as lagrimas escorressem.

    – Demoramos um pouco Ettie, mas o suficiente para chegarmos cheias de brotos e amores. E agora não sou só eu que vai te ver dançar com aquelas roupas leves e lindas. Seremos nós três.
    avatar
    Danto
    Admin

    Mensagens : 3920
    Data de inscrição : 04/06/2012
    Idade : 26

    Re: Ato XXI - A Chegada do Jardim I

    Mensagem por Danto em 25/4/2018, 20:41

    -Mon amour!

    Murmurava Eva ao receber os seus carinhos e beijos, encantada com a situação e bastante emocionada, a loira que por muitas noites fora um tempestade difícil de controlar, agora se apresentava cada vez mais como uma mulher capaz de demonstrar o amor em suas formas mais puras e belas. Concordando contigo, ela recebia a sua ajuda para que as lágrimas não caíssem, para assim afirmar ao olhar para os dois homens que se aproximavam cuidadosamente de vocês.

    -Tens razão Pita, no fim são os verdadeiros olhos que poderão ver essa dança. A demora agora se mostra mínima, em vista da alegria que sinto por ter todos vocês aqui comigo!

    Suavemente e como se fosse algo perfeitamente natural, os dois homens se aproximavam para apertar vocês duas dentro de um abraço firme e carinhoso, transmitindo para Eva a segurança que ela precisava naquele momento e para você uma felicidade que causava uma suave fascínio na sua pequena que gemia em alegria por presenciar algo tão belo diante de uma paisagem linda.

    -O tempo corre a favor dos corações apaixonados, mesmo que o percurso seja longo... Quando estes se unem não há força no mundo capaz de separá-los.

    Afirmava Alfie com um tom sábios e suave de voz enquanto o abraço durava.

    [Off: Ultima ação para a final do ato.]
    avatar
    Jess

    Mensagens : 2362
    Data de inscrição : 12/01/2016
    Idade : 26
    Localização : Neverwere

    Re: Ato XXI - A Chegada do Jardim I

    Mensagem por Jess em 25/4/2018, 22:59

    As reações calmas e delicadas de Eva me davam a certeza de quão belamente minha eterna tempestade havia crescido, não mais um galho rebelde e inconstante, mas sim um lindo tronco forte e amoroso.

    – Olhos que te amam minha Ettie, que te amam profundamente.

    Sussurrava ao beijar de leve os lábios de Eva, abrindo espaço para que Fredy e Alfie pudessem se aproximar e nos abraçar eu sorria ao sentir o leve fascínio de minha pequena, algo que ainda me surpreendia completamente.

    “Essa pequena, ela se desmancharia de amor se fosse menos solida!”

    Aproveitando aquelas lindas palavras e o carinhoso abraço, eu deixava que meu coração matasse suas saudades de meus queridos amores.

    Conteúdo patrocinado

    Re: Ato XXI - A Chegada do Jardim I

    Mensagem por Conteúdo patrocinado


      Data/hora atual: 23/5/2018, 07:55