WoD by Night

Narrativa de Vampiro a Máscara: 20 anos


    Aibellee Lenoxx - Ato II: New Territory

    Compartilhe
    avatar
    King Narrador

    Mensagens : 598
    Data de inscrição : 19/02/2016

    Aibellee Lenoxx - Ato II: New Territory

    Mensagem por King Narrador em 24/3/2016, 16:07

    30 de Agosto, 2005, 20:30



    Frio e úmido. Foram os primeiros sentimentos que passaram pelo seu corpo. Em seguida era a vertigem. Abrir os olhos foi um processo um pouco difícil. Mas com um certo esforço foi possível. Apenas o resto de seu corpo que você ainda não conseguia controlar plenamente. Estava molhado e muito dormente. Dava ainda para sentir que seu sangue corria ainda com mais força que o habitual. Só que lentamente o incômodo diminuía. Na mesma medida que sua visão foi conseguindo distinguir os esboços de sombra e ver onde estava.

    Era um canoa em movimento. Havia outra canoa a cinco metros de distância, ambas remavam com força contra a correnteza do Mississípi. A cidade estava ficando mais próxima, só que a mesma não emitia nenhuma luz. Apenas alguns faróis vermelhos de carros á distância. Era uma situação muito exótica. E vocês estavam prestes a adentrar aquelas ruas inundadas. Afinal estavam se aproximando da costa.

    Em seu barco estavam várias caixas lacradas. Dava para presumir que eram os artefatos que você tinha visto dentro da casa das líderes da linhagem. No outro barco estava o caixão de Olayinka e Ayoka posicionada na proa. Enquanto Tayanita remava a canoa. Na que você estava era Karla que remava. E você podia notar agora com mais detalhes o rosto da mesma.

    Lágrimas de sangue escorriam pelo rosto da cainita até a mesma notar que você havia acordado. Ela tenta discretamente limpar com a manga da camisa ensopada seus olhos, mas no final só espalhou o sangue pelo rosto molhado. Desistindo da falha tentativa, a mesma lhe sorri com uma feição triste. Fez isso para que você pudesse ver os dentes dela. As presas haviam sido removidas e o sangue escorria dos buracos que ficaram.

    - Me perdoe irmã... Fui apenas uma covarde esta noite... Enquanto você protegia a Ruth, eu apenas pensava em fugir. E teria fugido se não tivesse encontrado com você e Tayanita... Eu não mereço a clemência de nossa senhora...
    avatar
    Jess

    Mensagens : 1457
    Data de inscrição : 12/01/2016
    Idade : 25
    Localização : Neverwere

    Re: Aibellee Lenoxx - Ato II: New Territory

    Mensagem por Jess em 25/3/2016, 00:09

    O desconforto dominava o corpo de Aibellee, a dormência e o frio juntamente com a sensação do sangue correndo fizeram com que a cainita rangesse os dentes, abrindo os olhos com dificuldade a gata levou um tempo para se situar.

    As lembranças de seu ato tomaram-lhe a mente com rapidez, um tremor trespassou o corpo da cainita quando esta se esforçou para levantar a cabeça.

    " Quanto tempo se passou? Eu consegui mesmo fazer o amaranto..."

    A confusão mental da cainita se esvaiu quando seus olhos pousaram na canoa guiada por Tayanita, o caixão de Olayinka e Ayoka indicavam que a mudança forçada já havia começado.

    Foram as lagrimas de Karla que fizeram Aibellee tentar se levantar com mais força, sentindo dificuldades no ato a cainita teria abaixado a vista evitando olhar o choro da irmã se em seu sorriso não estivesse faltando as longas e claras presas desta.

    Um gemido de dor escapou da garganta da negra ao ver aquilo, se virando de lado em um leve contorcer Aibellee sentiu o sangue em seu corpo correr com força deixando-a ainda mais extasiada do que já estava.

    - Não peça perdão irmã... Eu não sabia... Eu mesma teria fugido, as outras caíram quando eram mais fortes... O que eu ou você poderia ter feito contra aquele monstro... Me perdoe irmã eu não queria que isso tivesse acontecido...

    Estendendo a mão para Karla as faces negras de Aibellee se marcavam com as lagrimas de sangue que escorriam, a cainita se esforçava para se levantar embora seu corpo ainda não respondesse direito.

    - Enquanto suas presas não voltarem eu... Eu quero ajuda-la em sua fome... Me perdoe irmã pela dor que eu lhe causei...
    avatar
    King Narrador

    Mensagens : 598
    Data de inscrição : 19/02/2016

    Re: Aibellee Lenoxx - Ato II: New Territory

    Mensagem por King Narrador em 26/3/2016, 15:14

    Karla se estremeceu com sua oferta e ficou sem palavras. Era um sentimento difícil de descrever, era algo totalmente averso aos sentimentos que um cainita costuma demonstrar. Por um lado parecia que a mesma se sentia grata com a oferta com um sorriso tentando se moldar no rosto. Todavia a vergonha ganhava do sentimento anterior fazendo a mesma não saber o que demonstrar e então virar a cabeça para soluçar entre as gotas de sangue que pingavam no chão. Gotas essas que você não sabia se vinham da mandíbula ferida ou dos olhos da mesma.

    Assim as canoas se aproximaram uma da outra na medida que vocês entram em uma rua totalmente alagada. Era um distrito próspero da cidade ao qual vocês entravam. Dava para ver muitos humanos em cima dos telhados de suas casas tentando salvar seus aparelhos elétricos. A chuva não mostrava clemência e a escuridão era enorme. Assim Tayanita se aproximou mais de vocês duas para finalmente conseguir ser ouvida.

    - Não se preocupem irmãs. Nossa senhora nos jogou dentro de sua ofuscação. Estaremos seguras de qualquer membro deste território e de quebrar a máscara também. Estamos indo para o Primeiro Distrito do Cemitério Lafayette. É o território da família Giovanni tradicional. Esperamos pegarmos eles desprevenidos e montar defesas lá dentro. A Senhora Green está trazendo mais quatro irmãs. Ao todo seremos dez, bom nove, afinal Olayinka está em torpor... Mais algumas quadras e estaremos lá.
    avatar
    Jess

    Mensagens : 1457
    Data de inscrição : 12/01/2016
    Idade : 25
    Localização : Neverwere

    Re: Aibellee Lenoxx - Ato II: New Territory

    Mensagem por Jess em 27/3/2016, 14:39

    Para Aibellee a oferta havia sido feita como a mais pura demonstração de respeito e o quase sorriso de Karla indicava que a mesma entendia, porem as lagrimas da irmã fizeram com que a negra se encolhesse virando o rosto.

    Com dificuldade Aibellee conseguiu se sentar de costas para Karla, usando a água da chuva a cainita limpou seu rosto, observar a cidade de tão perto a fez estranhar o fato dos mortais não pedirem socorro ou notar as duas canoas.

    " Estão tão desesperados assim? Suas coisas materiais representam tanto?"

    Os pensamento da negra cessaram por completo quando a canoa de Tayanita se aproximou, Aibellee fez um pequeno gesto de cumprimento enquanto ouvia as palavras de Tayanita. As noticias de reforços e de uma possivel batalha que se aproximava a fizeram olhar na direção de Karla, voltando seu olhar para a Sacerdote:

    - Mais alguns minutos e estarei bem o suficiente para ajudar na conquista... Peço desculpas por minha perda de consciência Irmã.
    avatar
    King Narrador

    Mensagens : 598
    Data de inscrição : 19/02/2016

    Re: Aibellee Lenoxx - Ato II: New Territory

    Mensagem por King Narrador em 29/3/2016, 01:24

    - Não se preocupe irmã. Você acabou de dar o primeiro passo em sua jornada. É uma de nós agora, em sangue e em alma. Não há vergonha em fraquejar diante do que fizestes, muita coragem é requerida para tal. Mas agora vocês duas se preparem... Chegamos!

    Cemitério:
    [

    A rua de rio terminou na frente de um pequeno promontório onde ficava o cemitério dos Giovannis. Era um lugar cheio de tumbas de alto luxo. Ali deveria haver mais de trinta Giovannis humanos mortos e sepultados. Mas se havia agora algum semi-morto era uma dúvida. Os barcos atracaram logo na frente do portão. Tayanita logo desembarcou e com sua força puxou a canoa dela, com as duas senhoras dentro, na direção do portão e as deixou no lado do mesmo. Então parou na frente do portão. Suas garras foram reveladas e seus olhos ficaram vermelhos.

    - Hora da guerra.

    Off - No final de sua ação fazer um teste de Percepção + Acuidade, dif 6
    avatar
    Jess

    Mensagens : 1457
    Data de inscrição : 12/01/2016
    Idade : 25
    Localização : Neverwere

    Re: Aibellee Lenoxx - Ato II: New Territory

    Mensagem por Jess em 29/3/2016, 18:59

    Ouvindo as palavras de Tayanita a mais nova assentiu com um leve movimento, a oferta feita por Ayoka era significativa demais para ser ignorada, mesmo assim o medo de demonstrar fraqueza perante as mais velhas do grupo.

    " É melhor deixar com que Karla sane suas feridas... Posso acabar comprando uma brigas desnecessária com ela se continuar insistindo..."

    Assim que Tayanita indicou o cemitério Aibellee fez com que sua besta despertasse, um leve tremor se apossou da negra quando isso aconteceu, ainda desacostumada com sua nova força tanto a besta quando a mulher se estudavam.

    Forçando o controle Aibellee pulou para fora da canoa imitando o movimento de Tayanita, enquanto seus olhos ganhavam a tonalidade amarelada da sua besta a cainita usou sua nova força para garantir que a canoa não voltaria para água. As palavras da mais velha a fizeram criar suas garras esperando a primeira ordem de ataque.

    A besta dentro da cainita pressentia a nova batalha arranhando de leve a sua volta, mesmo assim esperava a permissão para fazer o com que seus inimigos caíssem. Já a cainita murmurava orações a Agué implorando por sua proteção.

    Off: Percepção + Acuidade = 7d10, dif 6
    Off2: Gasto 1 ponto de sangue para ativar Garras da Besta
    avatar
    Danto
    Admin

    Mensagens : 2626
    Data de inscrição : 04/06/2012
    Idade : 25

    Re: Aibellee Lenoxx - Ato II: New Territory

    Mensagem por Danto em 29/3/2016, 18:59

    O membro 'Jess' realizou a seguinte ação: Rolagem de Dados


    'D10' : 7, 8, 4, 9, 1, 3, 10
    avatar
    King Narrador

    Mensagens : 598
    Data de inscrição : 19/02/2016

    Re: Aibellee Lenoxx - Ato II: New Territory

    Mensagem por King Narrador em 30/3/2016, 11:08

    Espíritos. Era possível sentir que havia espíritos ali dentro. Ao longe por entre as tumbas dava para sentir algo que seus olhos lhe enganavam como uma névoa vermelha. Mas era seu sexto sentido lhe avisando. Era algum tipo de espectro. Uma criatura do plano dos mortos consumida pelo ódio e a ira. São bons guardiões caso você saiba contê-los. Era agora impossível ver as duas senhoras. A ofuscação de Ayoka era muito poderosa. Assim restava vocês três para se adiantarem para dentro. Era possível sentir mais uma coisa fora os espectros. Aquele cemiério tinha algo errado. Era como se dentro do mesmo fosse do outro lado da película. Como se o mundo físico que havia no cemitério não existisse e ali fosse apenas a umbra do próprio lugar. Perfeito para se proteger dos seus inimigos que estavam do outro lado do rio, mas os Giovannis poderiam ser mais perigosos do que aparentavam. Só que as suas duas companheiras de confronto não exitaram em se preparar. Olhos vermelhos, garras afiadas. E Tayanita tinha uma garra espectral com o dobro do tamanho normal e com suas presas em um formato também espírito ao qual realssavam o tamanho da mesma.
    avatar
    Jess

    Mensagens : 1457
    Data de inscrição : 12/01/2016
    Idade : 25
    Localização : Neverwere

    Re: Aibellee Lenoxx - Ato II: New Territory

    Mensagem por Jess em 30/3/2016, 12:22

    A besta de Aibellee urrou ao perceber pelos olhos da cainita a verdadeira face daquele lugar, o material se mesclava ao incorpóreo com força, força demais para ser algo natural.

    " O que eles fizeram? Como ousam tocar dessa forma o mundo dos antepassados?! Que poder é esse?"

    Claramente dividida entre os dois mundos Aibellee observou as transformações executadas por suas irmãs, a mais chamativa ainda era a de Tayanita, o controle que a gata mostrava ter sobre o mundo espiritual deixava claro o porque desta ocupar um cargo tão alto na hierarquia das gatas.

    De dentro do casaco de couro Aibellee puxou a longa lamina de sua adaga, assoprando com cuidado sobre a arma a negra sussurrou de leve para esta em sinal de respeito:

    - Shhhhh está na hora de acordar Maneater... Você já dormiu demais minha querida...

    Com leveza Aibelle cortou o próprio dedão banhando a lamina da adaga, olhando ao redor a cainita deixou que a besta urrasse no mundo espiritual, invocando para a batalha a força dos espíritos animalescos.

    Preparada para a batalha a negra segurava com força a adaga que a acompanhava desde seus anos mortais, o sangue corria forte por seu corpo inflando cada músculo para a luta que se seguiria.

    Off: Manipulação + Ocultismo, Dif. 6 = 8d10 para ativar Ajuda dos Espíritos na adaga
    Off2: Carisma + Empatia com Animais +1 FV, Dif. 7 = 6d10 para usar Invocar o Espírito das Bestas
    Off3: Gasto 1 ponto de sangue para ativar Rapidez



    Última edição por Jess em 30/3/2016, 12:25, editado 1 vez(es)
    avatar
    Danto
    Admin

    Mensagens : 2626
    Data de inscrição : 04/06/2012
    Idade : 25

    Re: Aibellee Lenoxx - Ato II: New Territory

    Mensagem por Danto em 30/3/2016, 12:22

    O membro 'Jess' realizou a seguinte ação: Rolagem de Dados


    #1 'D10' : 7, 3, 2, 10, 6, 6, 9, 1

    --------------------------------

    #2 'D10' : 2, 4, 9, 5, 9, 6
    avatar
    King Narrador

    Mensagens : 598
    Data de inscrição : 19/02/2016

    Re: Aibellee Lenoxx - Ato II: New Territory

    Mensagem por King Narrador em 1/4/2016, 14:40

    Adentrando o cemitério com seus instintos focados no mundo espiritual, um baque se deu quando cruzou a porta do mesmo. Era como uma tremenda briza gélida que soprava diretamente no rosto de sua besta. Agora era claro que você havia atravessado a película. O que fez seu link espiritual ficar mais forte do que nunca. Dava para sentir que seu chamado pelos espíritos foi mais profundo do que sempre fora. Um rugido entrou em sua mente quando observou três panteras brancas andando ao seu redor. Aquela criatura deveriam estar extintas daquela região do país por pelo menos trezentos anos. Mas ali estavam elas. Com seus corpos em tonalidade transparente e brilhante. As três pareciam saber o que era hostil naquele lugar. Afinal era possível agora ver mais sobras vermelhas por entre as criptas. E aqueles animais estavam prontos para agir.

    Estes mausoléus estavam logo depois das lápides baixas. Talvez há uns cinquenta metros de vocês agora. Sua adaga brilhava com uma luz azulada com veios vermelhos. Era difícil compreender o que esta aura significava. Mas parecia que a mesma estava mais poderosa do que nunca, afinal vós nunca conseguiu ver com tanta clareza essa aura antes. Suas duas irmãs estavam se aproximando do meio do cemitério andando devagar, observando tudo ao redor das mesmas. Mas era nítido o desespero no rosto de Karla. Tayanita por outro lado parecia confiante.
    avatar
    Jess

    Mensagens : 1457
    Data de inscrição : 12/01/2016
    Idade : 25
    Localização : Neverwere

    Re: Aibellee Lenoxx - Ato II: New Territory

    Mensagem por Jess em 1/4/2016, 16:55

    Adentrar fisicamente no mundo dos espíritos fez com que a besta de Aibelle se encolhesse, não de medo mas respeito por aquele local em que o predador por mais forte que fosse não tinha forças.

    O rugido ecoou muito mais forte do que a cainita preverá assim como o despertar de Maneater, até mesmo as habilidades da cainita se fortificaram ali.

    " Aqui dentro... Os espíritos são mais fortes... Isso impediria o avanço lupino e nos protegeria contra qualquer ataque inimigo... Se conquistarmos o lugar é claro..."

    Sorrindo ao ver que o chamado havia sido atendido pelos espíritos selvagens e translúcidos das panteras, um rugido baixo ecoou da besta de Aibellee comandando os felinos fazendo com que cada espirito tomasse o lado de cada gata ali presente.

    Os olhos da negra procuraram os de Tayanita e Karla, o medo na irmã mais nova deixava claro que esta não estava preparada para o embate, por isso Aibellee fez com que o espirito mais robusto ficasse ao seu lado, escolhendo para si o espirito mais ágil, deixando o ultimo com a sacerdotisa.

    Andando ao lado de Karla, a gata mantinha a longa adaga pronta para o ataque assim como seus olhos amarelos vasculhavam ao redor em estado de alerta.

    Off: Gasto 2 pontos de sangue pra Inflar força.
    avatar
    King Narrador

    Mensagens : 598
    Data de inscrição : 19/02/2016

    Re: Aibellee Lenoxx - Ato II: New Territory

    Mensagem por King Narrador em 3/4/2016, 00:14


    Vós escolheu seu adversário e se aproximou do mesmo. Suas duas irmãs estavam agora distantes enfrentando outras anomalias paranormais, junto de seus guardiões espirituais ao qual você tinha invocado. Dava para sentir que o espectro ao qual você se aproximava era potente. Pois parecia que a temperatura do ambiente caia para algo invernal. A visão ao redor do ser espectral parecia tremer e ondular como quando se olha para o ar próximo de um fogo potente. Então o mesmo finalmente tomou uma aparência. Era a de um soldado. Parecia de um soldado dos tempos napoleônicos, mas o mesmo estava sem a cabeça. Apenas uma mancha escura em seu pescoço. Havia um machado em sua mão. O mesmo pingava sangue que desaparecia ao tocar no chão. Atrás dele estava sua montaria, um cavalo do fundo do inferno, olhos vermelhos e pelo negro. Assim o soldado levantou sua arma e se aproximou devagar. O vento frio aumentou e sua besta estava querendo fugir.

    Espectro:

    Teste de Coragem
    avatar
    Jess

    Mensagens : 1457
    Data de inscrição : 12/01/2016
    Idade : 25
    Localização : Neverwere

    Re: Aibellee Lenoxx - Ato II: New Territory

    Mensagem por Jess em 3/4/2016, 00:35

    Teste de Coragem 2d10
    avatar
    Danto
    Admin

    Mensagens : 2626
    Data de inscrição : 04/06/2012
    Idade : 25

    Re: Aibellee Lenoxx - Ato II: New Territory

    Mensagem por Danto em 3/4/2016, 00:35

    O membro 'Jess' realizou a seguinte ação: Rolagem de Dados


    'D10' : 1, 6
    avatar
    Jess

    Mensagens : 1457
    Data de inscrição : 12/01/2016
    Idade : 25
    Localização : Neverwere

    Re: Aibellee Lenoxx - Ato II: New Territory

    Mensagem por Jess em 3/4/2016, 15:53

    Escolhendo seu adversário Aibellee sentiu sua besta se calar ao reconhecer as lendas do soldado e montaria a sua frente. O silencio que se fez dentro do interior da cainita regelou seus músculos e sangue.

    Homem e montaria pareciam ter saído do mundo dos mortos e os únicos olhos que a negra podiam encarar eram os olhos avermelhados do corcel negro.

    Dando um passo para trás Aibelle sentiu sua besta gemer, mesmo a força recém adquirida não era o suficiente para enfrentar tal soldado e sua montaria, forçando-se a ficar no mesmo lugar as lembranças de Aibellee corriam de volta para o dia em que fora feita sacerdotisa.

    " Agué... perdoa minha falha..."

    Fechando os olhos Aibellee relembrou do som dos tambores, o suor e o cheiro de sangue, até mesmo o vestido e o rodar do pano ao seu redor quando seu corpo dançava inspirado por um poder desconhecido, o sopro escuro e a brisa gélida sobre seu peito desnudo.

    Batendo o pé em um ritmo compassado Aibellee cantava dentro de sua mente, as palavras de sua vida humana ecoavam pela mente da jovem na pelagem de sua besta e ecoando pelos lábios da cainita, o canto choroso guiava a mente da cainita para a presença do corcel. Agué o Vodun da caça, o guerreiro com seu arco e sua aljava...

    Batendo com o punho de sua adaga no peito Aibellee colocou a mão sobre a cintura como se estivesse segurando os panos do vestido que usava em seus tempos como sacerdotisa, seus movimentos de bater o pé a movimentavam sem que esta saísse do lugar enquanto o canto continuava, a pantera guaiada pelo som circulava a negra em um rugido baixo e continuo enquanto a musica ecoava pelos lábios da negra.

    Off: Gasto 1 ponto de FV pra me manter no lugar.
    Manipulação + Empatia com Animais = 7d10, dif 6, Sussurros Selvagens para acalmar o cavalo
    avatar
    Danto
    Admin

    Mensagens : 2626
    Data de inscrição : 04/06/2012
    Idade : 25

    Re: Aibellee Lenoxx - Ato II: New Territory

    Mensagem por Danto em 3/4/2016, 15:53

    O membro 'Jess' realizou a seguinte ação: Rolagem de Dados


    'D10' : 1, 6, 5, 1, 10, 2, 6
    avatar
    King Narrador

    Mensagens : 598
    Data de inscrição : 19/02/2016

    Re: Aibellee Lenoxx - Ato II: New Territory

    Mensagem por King Narrador em 6/4/2016, 17:45

    Teste de Percepção(4) + Acuidade(3)
    Teste de Consciência(3)
    avatar
    Jess

    Mensagens : 1457
    Data de inscrição : 12/01/2016
    Idade : 25
    Localização : Neverwere

    Re: Aibellee Lenoxx - Ato II: New Territory

    Mensagem por Jess em 6/4/2016, 17:46

    Teste de Percepção(4) + Acuidade(3)
    Teste de Consciência(3)
    avatar
    Danto
    Admin

    Mensagens : 2626
    Data de inscrição : 04/06/2012
    Idade : 25

    Re: Aibellee Lenoxx - Ato II: New Territory

    Mensagem por Danto em 6/4/2016, 17:46

    O membro 'Jess' realizou a seguinte ação: Rolagem de Dados


    #1 'D10' : 1, 2, 2, 8, 2, 5, 3

    --------------------------------

    #2 'D10' : 10, 9, 7
    avatar
    King Narrador

    Mensagens : 598
    Data de inscrição : 19/02/2016

    Re: Aibellee Lenoxx - Ato II: New Territory

    Mensagem por King Narrador em 6/4/2016, 20:50

    Sua mente trepida por uma pequena fração de segundos. Uma respiração involuntária toma forma em seu corpo. Nem você e nem seus instintos estavam orquestrando aquela ação. O tato com a água fria se tornou mais sensível, dava para sentir o peso de cada gota d'água. Só que a sensação ia para o além do físico. O medo inconsciente das chamas negras nos olhos da besta do Cavaleiro Sem Cabeça também desaparecia de forma inexplicável. Era uma sensação de vida a muito tempo perdida, mas era mais que apenas se sentir vivo novamente.

    Um sapo, de meia idade pulava por entre as poças no meio da chuva a mais de cinquenta metros de distância, lhe veio a mente. Um percevejo a trinta metros se escondendo dentro de uma ranhura de uma lápida. Até a presença de uma coruja voando acima de sua cabeça a mais de setenta metros. Toda a vida podia ser sentida em seu corpo. Era um sentido superior ao olfato, audição ou até mesmo a visão. Era o sexto sentido do Deus da caça em sua mente. Havia se passado décadas dês da última vez que essa sensação lhe tomou o corpo.

    Mesmo abraçando o pecado de ingerir uma alma que não lhe pertencia, os espírito da floresta lhe dava a sua graça. Agué via a situação de outra forma. Era claro o motivo, pois para o mesmo, o mundo era dividido entre caça e caçador. E agora você era a caçadora que ele estava observando. Então o mesmo não lhe deixaria cair na primeira tentativa. Mesmo com a besta mantendo distância, ainda havia um guerreiro fantasma se aproximando. E assim sua mente lhe deu vontade de flexionar seu braço esquerdo para frente e seu direito para trás.

    No esquerdo era possível sentir um tato de algo sólido e maciço. Era algo que podia ser segurado com sua mão sem muito esforço, mas parecia ser comprido. E bastante áspero. Como se houvesse uma forma correta de segurar ou sua mão poderia se cortar. Sua mão direita parecia segurar algo tencionado com muita força na ponta de dois de seus dedos. Seu braço todo forçava uma grande força para se esticar. E conforme a força crescia, o outro braço também começava a sentir a tensão. Mesmo não havendo nada visível em suas mãos. Só que uma coisa era certa. Suas duas mãos estavam apontadas para o local onde a cabeça do cavaleiro deveria estar.
    avatar
    Jess

    Mensagens : 1457
    Data de inscrição : 12/01/2016
    Idade : 25
    Localização : Neverwere

    Re: Aibellee Lenoxx - Ato II: New Territory

    Mensagem por Jess em 7/4/2016, 13:26

    Respirar, o simples ato não calculado por Aibellee ou sua besta a fez sorrir, os instintos do grande caçador voltavam a habitar o corpo da negra, uma sensação há muito esquecida.

    A vida ecoava ao redor do cemitério, o sapo pulando, o persevejo se procurando abrigo e até a coruja a procura de sua presa faziam com que o corpo da Aguenisa estremecesse, lagrimas de sangue escorriam pelo rosto da negra que se entregava por completo ao movimentos de caça.

    Sentir os movimentos guiados por Agué fez com que a tensão aumentasse sobre os ombros de Aibellee, os olhos amarelos da negra não precisavam ver para sentir o toque áspero da madeira ou a força que a corda produzia ao ser puxada.

    O canto ecoava na garganta da negra e cada gota de chuva gélida parecia fazer com que seu corpo também ecoasse, o desprendimento de seu corpo...

    Aibelle teria se perdido naquele mar de sensações e lembranças se o rugido da pantera não a tivesse alertado, a arma de Agué estava mirada para a cabeça do soldado, os olhos do Grande Caçador eram mais experimentados do que os da Aguenisa, por isso esta manteve a mira quando seus movimentos retornaram. Esperando o até o ultimo instante Aibellee soltou a corda, a mente da cainita deu uma unica ordem ao animal branco a sua frente e na ordem havia uma unica palavra.

    " Ataque!"


    Off: Miro por 2 turnos, gasto 2 pontos de sangue e inflo Destreza em 2
    Destreza + Instintos = 10d10 + 1 FV, Dif 8


    Última edição por Jess em 7/4/2016, 13:33, editado 1 vez(es)
    avatar
    Danto
    Admin

    Mensagens : 2626
    Data de inscrição : 04/06/2012
    Idade : 25

    Re: Aibellee Lenoxx - Ato II: New Territory

    Mensagem por Danto em 8/4/2016, 22:32

    O membro 'Jess' realizou a seguinte ação: Rolagem de Dados


    'D10' : 6, 4, 6, 8, 6, 9, 8, 6, 1, 2
    avatar
    Jess

    Mensagens : 1457
    Data de inscrição : 12/01/2016
    Idade : 25
    Localização : Neverwere

    Re: Aibellee Lenoxx - Ato II: New Territory

    Mensagem por Jess em 8/4/2016, 22:33

    Dano = 5d10 do arco + 2d10 de sucesso + 2d10 da mira
    avatar
    Danto
    Admin

    Mensagens : 2626
    Data de inscrição : 04/06/2012
    Idade : 25

    Re: Aibellee Lenoxx - Ato II: New Territory

    Mensagem por Danto em 8/4/2016, 22:33

    O membro 'Jess' realizou a seguinte ação: Rolagem de Dados


    'D10' : 8, 9, 1, 3, 8, 10, 3, 2, 8

      Data/hora atual: 19/8/2017, 06:27