WoD by Night

Narrativa de Vampiro a Máscara: 20 anos


    Ato X - Narrativa de Ulrich: Back From The Dead

    Compartilhe
    avatar
    Miac

    Mensagens : 467
    Data de inscrição : 21/11/2015
    Idade : 26

    Re: Ato X - Narrativa de Ulrich: Back From The Dead

    Mensagem por Miac em 13/4/2016, 09:22

    Ulrich viu o gesto de Diana e apenas sorriu de forma tímida, ele ficou olhando e analisando o que Ilyana começava a disser, o rapaz arregalou os olhos ao ver como a Ventrue era instruída na hierarquia do clã, ele apoiou o braço no apoio do sofá, seus olhos brilhavam de uma ganancia, estava descobrindo e aprendendo como eram as engrenagens da seita que seu clã escolheu como casa, colocava a mão em cima da de Diana quando Ilyana voltava a se sentar após entregar o notebook.

    " Entendo então eles irão atrás da neta de Caim, essa matusalém...!"

    Sua mão esquerda estava sobre a mão de Diana, com o decorrer da explicação e a cada nome citado ele acariciava de forma circular o canto da mão da Toreadora, seus olhos não saiam de cima de Ilyana, era como se ele estivesse em um transe enquanto ela falava, sua mente começou a trabalhar quando Diana começou a falar. Permanecia imóvel e olhando para a Ventrue.

    " Por isso ela mencionou que não poderia ser em um salão de festas, eles irão julgar alguém, talvez os príncipes, só que quando o convocarem ele não vira, pois é um falso e não o verdadeiro Gustav, e também caçaram a Matusalém que fez esse ritual do sono...e tempos de guerra...."

    Por fim a expressão pensativa se demonstrava de surpresa com o que acabara de pensar, ele se levantou e retirou o anel do dedo e estendeu para Ilyana, para a mesma ver que não era algo falso, naquele momento Ulrich falou em um tom serio.

    - Agradeço toda a explicação, foi esclarecedor. Pelo que consta eles irão realizar alguma ação para redefinir o principado, por isso de antemão você disse que um salão de festas seria inviável, irão deter a neta de Caim, ou apenas com a presença de tantos membros poderosos ela se sinta desconfortável em se manter livre aqui em Berlim. Talvez até mesmo toda a hierarquia de Berlim seja modificada, só que o que me chamou a atenção foi o penúltimo cargo, havera um Dux Bellorum, eles vão confrontar o Sabá e os Anarquistas também!

    Ele respirou de maneira demonstrando sua reprovação, ele espera estar errado em sua conclusão, queria que Ilyana falasse que estava errado e que deveria ter prestado mais atenção, só que ele tinha convicção de que era isso, não era instruído em hierarquia ou até mesmo os jogos de poder, mas a lógica lhe apontava para aquele ponto.

    - Quais são suas opiniões sobre o que iram acontecer nesse conclave Ilyana e Diana ? Realmente quero estar equivocado em meu pensamento. Estou julgando de forma lógica os cargos...
    avatar
    Danto
    Admin

    Mensagens : 2626
    Data de inscrição : 04/06/2012
    Idade : 25

    Re: Ato X - Narrativa de Ulrich: Back From The Dead

    Mensagem por Danto em 13/4/2016, 16:44

    A jovem olha para o anel que você mostrava para ela e com a mão direita ela se aproxima para tirar o mesmo da sua mão, se assim você permitisse. Os olhos dela estavam profundamente sérios e o tom de voz dela mudava ligeiramente, soando mais forte do que antes.

    -O brasão dos Strategoi de meu Clã, você não deveria jamais ter o direito de portar tal relíquia ao menos que tenho sido dado a ti, justamente para lhe dar o direito de voz diante os antigos. Presumo que o ancião que tenha dado esse anel seja um verdadeiro sábio, pois conferiu a ti algo que nenhum outro jovem terá nesse Conclave, voz.

    Diana observa vocês dois a distância, ela abraça o próprio corpo em um sinal de incerteza e talvez até medo pelo que estaria para acontecer na cidade de Berlim. Com uma voz cheia de dúvidas ela se expressa brevemente.

    -Acredito que ocorrerão respostas ferozes contra o Sabá e o Anarquismo sim, mas sinceramente, vejo o Dux e todos esses antigos com o grande propósito de renovar o principado, removendo a linhagem de Gustav da liderança... Incluindo o próprio Gustav...

    Os olhos de Ilyana se direcionaram para Diana e em seguida para você, ela o entregava o anel enquanto respondia a sua pergunta final.

    -Certamente acontecerão julgamentos de grandes nomes de Berlim, independente dos lados. Mas ainda me espanta a necessidade um Alastor e um Dux, algo muito maior esta acontecendo debaixo dos panos e distante dos holofotes principais.... Acredito que o conclave será algo similar ao Tribunal de Nuremberg e ecoara eternamente pelas futuras noites da cidade.

    [Off: Ultima ação pra o final do ato]
    avatar
    Miac

    Mensagens : 467
    Data de inscrição : 21/11/2015
    Idade : 26

    Re: Ato X - Narrativa de Ulrich: Back From The Dead

    Mensagem por Miac em 13/4/2016, 20:19

    Ulrich respondia o olhar para Ilyana e falou de maneira calma, porém, com um pouco de instabilidade no som, demonstrava abertamente e de uma maneira sutil seu nervosismo com aquilo, ele já sabia que poderia falar no conclave, Magnus o permitiu isso, porém, ele não imaginava que apenas ele teria essa permissão, foi ingenuo em pensar que os antigos ouviriam os mais novos. Ele permitia que Ilyana analisasse a relíquia que agora estava nas mãos dela.

    - Ele foi me dado sim. Não sou tolo e nem louco o suficiente para entrar nisso por procurar reconhecimento ou gloria. Gostaria que você Ilyana a receber esse fardo, lidaria muito melhor com a situação. Mas não foi, não recusarei e nem voltarei atrás com minha palavra, esse conclave será feito e o que tenho a disser será ouvido pelos antigos.

    Naquele momento algo inflava dentro de Ulrich, era uma certeza que ele nunca havia tido, sua expressão permanecia seria, sua postura estava firme, ele apenas pensava em como estava sendo auto confiante naquilo, talvez, tentasse esconder seu medo e a incerteza de como abordaria o assunto como o momento chegasse.

    Ele viu Diana se expressa e retomou o anel assim que a Ventrue lhe derá o mesmo, colocou o mesmo no dedo novamente e ouvia a Harpia do Oriente falar, caminhou até onde Diana estava sentada, se colocando atrás do sofá, colocou a mão no ombro da Toreadora e por fim falou de uma maneira grata.

    - Não me importo quem seja julgado, nem mesmo de qual lado este seja, devemos ter em mente que isto será pela Camarilla, nossa Camarilla, a casa do Tremeres, dos Ventrue, Toreadores e todas as linhagens que optaram por manter nossas identidades oculta aos olhos dos humanos, somos protegidos por ela e hoje temos a chance de protege-la, não sou um especialista na socialização e muito menos em organizar este evento, por isso eu espero que contem comigo para o precisarem, no momento estamos trabalhando juntos, e eu não costumo deixar ninguém para trás!

      Data/hora atual: 19/8/2017, 06:25